País das maravilhas

cores. sombras. sorrisos. vozes. terra. texturas. sensações. agitação. paz. calor. frio. amor e música, muita música.

Repentinamente seu corpo se desconecta do seu peso original, tens a sensação de que a qualquer instante você será carregado pelas ondas emitidas através do som ambiente, as luzes se encontram o mais intensas e brilhantes o possível, iluminando o espírito de cada um que se encontra lá, da forma mais hipnotizante que os sentidos podem perceber, tudo isso abraçado pelo escuro da noite que não afugenta nem sombria nenhum pensamento, mas sim abraça o lugar e todas as suas possibilidades de uma forma tão reconfortante que só quem já foi no país das maravilhas consegue descrever.

Não existem barreiras por lá, corpos se abraçam, se tocam pela necessidade de partilhar aquela sensação de plenitude que está emanando por cada ser, “eu te amo” para de ser tabu e vira um estado de espírito. Pessoas se reconhecem exclusivamente pela energia que emitem, lá é um lugar feito para almas gêmeas.

Palavras sem sentido são ditas aleatoriamente e só quem entende é quem está vivendo esse momento com você, chega um instante em que tudo que você precisa pra se comunicar é olhar nos olhos da pessoa, sorrir, abraçá-la com força e sair abraçado andando e viajando por cada pedaço daquela dimensão paralela.

Cada pulo que você dá, cada batida que você sente, cada vibração que você emite, cada grito que você solta espanta um demônio que antes vivia dentro de ti.

Transcendi.

Show your support

Clapping shows how much you appreciated marianne’s story.