Vinho seco e minhas mágoas.

O celular ainda esta nas minhas mãos. 
A auto estima ainda esta no chão. Minhas roupas devem estar amassadas. A música esta no último volume. 
A casa esta cheia e as pessoas estão vazias. 
O ano terminou. 
Você me chamou.
Mas já faz dois dias. 
Meus pés tocaram o chão essa tarde e me lembraram que não estou em condições de perder a razão. 
E agora eu estou deitada na mesma posição. 
O vinho não pode me dizer onde eu estou. 
Mas eu sei que não é perto de você, nem de ninguém. 
Talvez até eu tenha fugido. 
Eu só queria saber porque voltou... 
Porque insistiu mais uma vez em me bagunçar? 
Se for dessa vez, prometa não mais voltar.

Show your support

Clapping shows how much you appreciated Camila’s story.