China investe em ônibus suspenso para driblar o trânsito

Engenheiros chineses bolaram uma ideia inovadora para melhorar a mobilidade urbana: um sistema elevado de ônibus que permite que carros e motocicletas trafeguem sob ele. Batizada de TEB (sigla em inglês “Transit Elevated Bus”), a novidade estreou na última terça-feira (2/8), em uma demonstração realizada na cidade de Qinhuangdao.

Foto: Reprodução

Ainda em sua fase de protótipo, o ônibus suspenso vem sendo desenvolvido a partir de pesquisas conduzidas ao longo dos últimos seis anos. Com 4,8 metros de altura, 7,8 metros de largura e 22 metros de comprimento, ele consegue acomodar até 300 passageiros confortavelmente em seu interior, que lembra os vagões de um metrô, sendo ainda um pouco mais espaçoso.

Com o TEB, os chineses buscam acelerar o deslocamento dos passageiros usuários de transporte público, driblando as situações de congestionamento cada vez mais frequentes no país. A limitação do sistema é que somente veículos com menos de 2 metros podem trafegar sob o sistema, ou seja, carros mais altos e caminhões terão que percorrer rotas alternativas.

TEB — Transit Elevated Bus

Estruturado sobre 16 rodas, o ônibus elevado é capaz de viajar a uma velocidade entre 40 e 50 km/h. A pesquisa para aperfeiçoamento do modelo ainda continuará, a fim de resolver como o sistema deve se comportar, por exemplo, em relação a semáforos, cruzamentos e curvas.

De acordo com o engenheiro Song You Zhouinventor, um dos inventores do sistema, o prazo para que a inovação chegue definitivamente ao mercado é estimado em pelo menos um ano e meio.