Em dez anos, Brasil dobrou número de viagens com bicicleta

Em dez anos, o Brasil dobrou o número de viagens feitas em bicicletas. A constatação é da Associação Nacional de Transportes Públicos (ANTP) e foi divulgada recentemente através do Sistema de Informações da Mobilidade Urbana.

O estudo da ANTP mostra que, de 2004 a 2014, o País aumentou de 1,3 bilhão para 2,6 bilhões o número de viagens em bicicleta. A pesquisa foi feita em 468 cidades brasileiras.

Foto: Reprodução

O Sistema de Informações da Mobilidade Urbana também mostrou que dobrou o uso de motocicletas como transporte, passando de 1 bilhão para 2,6 bilhões durante o período pesquisado. Em 2007, os dados da ANTP mostravam que o Brasil tinha 60 milhões de bicicletas, o equivalente a uma para cada três habitantes.

CICLOVIAS

O aumento do uso de bicicletas como meio de transporte no Brasil expõe, por outro lado, uma falha a ser ajustada no País: a falta de vias dedicadas ao deslocamento de ciclistas. Até 2014, as ciclovias representavam apenas 1% da malha viária nacional, segundo os dados do Ministério das Cidades.

A preocupação de gestores públicos de várias cidades brasileiras vem aumentando a quantidade das ciclovia brasileiras.

Em abril do ano passado, um levantamento publicado pelo portal Mobilize mostrou a quilometragem de ciclovias criadas nas principais cidades do Brasil. As cinco primeiras da lista foram Brasília, com 400 km; Rio de Janeiro, com 374 km; São Paulo, com 265,5 km; Curitiba, com 181 km; e Fortaleza, com 116,4 km.