O que conhecer no Chile em 3 dias: viaje com suas milhas e conheça mais de 15 pontos para visitar em Santiago e região durante o verão

Resolveu passar um fim de semana no Chile durante o próximo verão? Neste post vamos sugerir um roteiro do que fazer no Chile em 3 dias, com mais de 15 pontos para você aproveitar a região de Santiago ao máximo!

Chile é um lindo país, pertinho do Brasil e cheio de roteiros de tirar o fôlego! Cada vez mais procurado por brasileiros, decidimos escrever este post para mostrar tudo de bom que a região da cidade de Santiago tem a oferecer!

Abaixo vamos dar dicas de moeda, pagamento de hotel, roupas para viagem e claro,roteiro!

Não esqueça depois de ler também nosso post sobre como Resgatar Passagens Aéreas e Diárias de Hotel de Graça, usando os pontos e milhas de seus Programas de Fidelidade!

Antes de ir: Consulte suas milhas aéreas e seus Programas de Pontos

Melhor do que viajar para o Chile é fazer isto sem tirar tanto dinheiro do bolso. Vale a pena consultar quantas milhas você tem disponíveis e tentar aproveitar promoções de passagens aéreas, programando sua viagem com antecedência.

Além disso, os pontos dos seus Programas de Fidelidade podem ser utilizados para pagar total ou parcialmente as suas diárias em hotéis. Fique atento!

Antes de partir para sua aventura no Chile, fique atento a alguns preparativos de viagem:

Hotel: pague em Dólar!

Se não conseguir resgatar diárias de hotel com os pontos de seus Programas de Fidelidade, a dica é que você pague a estadia em Dólares — seja em dinheiro em espécie ou em cartão de crédito internacional. Assim, você fica liberado de pagar um imposto chamado IVA (imposto sobre valor agregado), que é de 19%!

Para ganhar este desconto, basta que apresente o passaporte ou RG e o cartão de entrada no país (para comprovar que está lá há menos de 60 dias). Você ganhará uma “nota de exportação” como recibo.

O pagamento precisa ser feito em Dólar para ganhar este desconto, pois o Real não é aceito nesta operação e o Peso Chileno não dá direito ao desconto.

Leia também:
Como acumular pontos em Redes de Hotéis.

Clima na região de Santiago no verão

O clima na região nesta estação é seco (hidrate-se bem durante a viagem), chegando a 35 graus durante o dia. À noite, costuma refrescar bastante. Por isso, leve protetor solar, chapéu e roupas leves para o dia e também casacos para a noite!

Caso esteja se perguntando “Vou conseguir ver neve em Santiago nesta época do ano?”. Infelizmente a resposta é não. O máximo que verá será no topo das montanhas — o que já é lindo demais!

Dica extra: o mês de fevereiro é cheio de promoções e liquidações! Clique aqui e descubra com antecedência todos os tours e restaurantes com promoções.

Roteiro de 3 dias — Santiago e região

Deu uma folguinha nesse verão e você resolveu passar 3 dias na linda região de Santiago, no Chile? Que tal otimizar seu tempo e aproveitar ao máximo o que o lugar tem a oferecer?

Veja só as dicas para cada dia:

DIA 01

Centro de Santiago: região movimentada, com várias opções de restaurantes, monumentos e casas de câmbio. A dica de roteiro para o primeiro dia inclui 9 pontos que podem ser feitos a pé ou então utilizando o metrô.

01) Plaza de Armas: considerada o marco zero de Santiago, em sua parte central possui uma enorme fonte em homenagem a Simon Bolivar, onde crianças se refrescam do forte calor durante o verão. Também há por aqui pintores, palhaços e teatro de fantoches.

02) Free Walking Tour (Tour 4 Tips): Todos os dias, entre 10h e 15h na Plaza de Armas, guias voluntários levam turistas para conhecer os principais pontos da cidade, de graça! Pedem apenas gorjetas, se você quiser colaborar

03) Catedral Metropolitana: com entrada gratuíta, esta linda catedral em estilo neoclássico fica em frente a Plaza de Armas.

04) Museu Chileno de Arte Precolombino: aqui você encontrará diversas peças da história pré-colombiana. A entrada custa 3.000 Pesos Chilenos (em torno de R$15,00).

05) Paseo Ahumada: Uma das principais ruas de comércio de Santiago. Aqui ficam diversas casas de Câmbio e nas ruas paralelas é possível encontrar agências do Banco Itaú (onde correntistas podem sacar dinheiro direto da conta).

06) Plaza de La Constitución: é aqui que acontece a famosa troca de guarda do palácio e onde ficam enfileiradas algumas bandeiras do Chile. No subsolo da praça está o antigo Bunker onde o ditador Pinochet se escondia — o qual hoje é um estacionamento.

07) Palácio de La Moneda: aqui fica a sede presidencial chilena, além de alguns ministérios. É possível fazer um tour guiado, desde que este seja agendado previamente por e-mail.

08) Mercado Central: este é um dos principais pontos de encontros de moradores e aqui você encontrará dezenas de opções gastronômicas, especialmente frutos do mar.

09) Cerro Santa Lucía: este é um lindo parque onde, após passar por algumas escadas e trilhas de curta duração, você chega a um mirador com uma vista privilegiada do centro de Santiago!

DIA 02

Bairro Bellas Artes: o roteiro do segundo dia inclui 05 pontos para aproveitar esta região cheia de cafés, gastronomia e arte! Saia cedinho para aproveitar bem todas as paradas.

01) Museu Nacional de Bellas Artes: aqui você encontrará obras de diversos artistas chilenos, incluindo do artista Luis Vargas Rosa. A entrada custa 600 Pesos Chilenos (em torno de R$3,00).

02) Parque Forestal: fica em frente ao Museu de Bellas Artes e é uma linda área verde (cheia nos fins de semana e mais tranquila nos dias úteis). Ideal para um passeio.

03) Cerro San Cristóbal: este é um dos pontos mais altos e Santiago e possui uma das melhores visões da cidade. Logo na subida do zerro fica um Zoológico o qual a entrada custa 3.000 Pesos Chilenos (em torno de R$ 15,00). Para chegar ao topo do Cerro o caminho mais fácil é através da Funicular. O trajeto de ida e volta (com uma parada para visitar o Zoológico) custa 2.000.00 Pesos Chilenos de segunda a sexta-feira (em torno de R$ 10,00) e 2.600,00 Pesos Chilenos nos fins de semana e feriados (em torno de R$ 13,00). A Funicular começa a funcionar a partir das 10h.

04) Museu La Chascona: esta é a antiga casa de Pablo Neruda. O museu possui visita autoguiada em Português e você poderá conhecer mais sobre a história de Pablo Neruda e sua amante Matilde. A entrada custa 5.000 Pesos Chilenos (em torno de R$ 25,00).

05) Vinícola Concha Y Toro: uma das atrações mais procuradas por turistas. O tour tradicional inclui degustação de 2 tipos de vinho e você ganha uma taça de presente.

DIA 03

Região litorânea: o terceiro dia é para conhecer o litoral do Chile. Valparaíso e Viña del Mar estão no roteiro do último dia.

Tanto Valparaíso quanto Viña del Mar ficam há quase 2 horas de distância de Santiago. Mas, podem ser facilmente acessadas. Se não houver alugado um carro, pode pegar um ônibus para chegar lá.

Ônibus:
Vá até o Terminal Pajaritos e escolha uma das 3 empresas que fazem o trajeto Santiago > Valparaíso: Tur Bus, Condor Bus e Pullman. O valor da passagem (ida e volta) custa cerca de 7.000 Pesos Chilenos (em torno de R$ 35,00).

Se planejar ir durante um fim de semana ou feriado, compre as passagens com antecedência pois é um período muito procurado.

Para ir de Valparaíso para Viña del Mar, pegue um ônibus metropolitano.

O que fazer em Valparaíso, patrimônio cultural do Chile?

01) Museu Naval
02) Plaza SotoMayor
03) Museu La Sebastiana — casa de Pablo Neruda em Valparaíso

O que fazer em Viña del Mar?
Durante o verão, a cidade abriga o Festival de Música de Viña del Mar que acontece no anfiteatro dentro do Parque Quinta Vergara (uma grande área verde da cidade). Mas também há outras atrações para conferir:

01) Parque Quinta Vergara, Relógio de Flores e Castelo Wulff: Ao sair do parque, em direção ao oceano, encontrará um dos principais cartões postais de Viña del Mar, o Relógio de Flores. E, seguindo pela Avenida Beira Mar, chegará ao Castelo Wulff — o qual possui um mirante para o mar.

02) Praia Reñaca: aqui você encontrará diversos bares e restaurantes.

03) Museu Fonck: próximo ao terminal rodoviário, aqui há artigos arqueológicos de povos antigos, como de moradoras da Ilha de Pascoa e uma réplica de um Moai.

Moeda

Agora que já sabe como é a região de Santiago, o que você conhecerá por lá e quantogastará em média, preste atenção na dica sobre a moeda chilena e seu câmbio.

MOEDA
A moeda do Chile é o Peso Chileno. No final de novembro de 2015, a cotação estava de 192,31 Pesos Chilenos para cada R$1,00.

Não é comum haver Pesos Chilenos à venda aqui no Brasil, então, a melhor saída é você fazer a troca em casas de câmbio no Chile.

Câmbio no aeroporto

A cotação oferecida nas casas de câmbio 24 horas de aeroportos é desvantajosa — só use esta opção em últimos casos. Se precisar trocar dinheiro no aeroporto, use o cartão de seu banco (que deverá estar habilitado para saques internacionais) e saque os Pesos Chilenos em um dos caixas eletrônicos do aeroporto.

Casas de câmbio no centro de Santiago

No centro da cidade, no trecho da Calle Agustinas (entre Paseo Ahumada e Calle Banderas), há quase 10 casas de câmbio próximas umas das outras com opções de câmbio bem vantajosas. Mas atenção: só estão abertas em dias úteis!

Principal rede de casas de câmbio do Chile

A principal se chama Afex e algumas de suas casas abrem todos os dias. Confira os endereços e descubra qual delas se encaixará com seu roteiro, caso precise:

Calle Catedral 1063, Centro
Segunda a Sexta-feira, das 09h as 19h.
Sábados, Domingos e Feriados das 10h as 19h.

Estação Central
Segunda a Sexta-feira, das 09h as 20h.
Sábados, das 10h as 19h.
Domingos e Feriados, das 11h as 18h.

Shopping Parque Arauco
Segunda a Sábado, das 10h as 20h30.
Domingos Feriados, das 11h as 20h30.

Pedro de Valdivia 012
Segunda a Sexta-feira, das 09h as 18h.
Sábados, das 10h as 14h.
Domingos e Feriados, fechada.

Dias com cotações mais vantajosas: dias de semana, durante o horário bancário.


Este post e dicas foram inspirados no pessoal do Meus Roteiros de Viagem


Pronto para conhecer um dos destinos mais procurados da América Latina? Quem você vai levar junto nesta viagem? Conte pra gente nos comentários!

E não esqueça de conferir também nosso post sobre como Resgatar Passagens Aéreas e Diárias de Hotel de Graça, usando os pontos de seus Programas de Fidelidade.

Baixe o app Oktoplus (iOS e Android) e gerencie seus pontos e milhas de modo muito mais simples e inteligente.

Veja no blog: http://bit.ly/2bUmiBd

Show your support

Clapping shows how much you appreciated Oktoplus’s story.