Apoia-me

Quando eu comecei com essa história de site, lá na época do Pop Balões, que era em parceria com o Diego Figueira, manter um site no ar era um pouco caro, a hospedagem era difícil, tinha limitação de banda, o site saia do ar se tivesse muito acesso, era um enrosco sem fim. Na época, para bancar a conta do site eu tinha um patrocinador que pagava essa conta.

Nunca recebi nada pelo site, mas também não gastava.

Depois passei para os blogs diversos até chegar nessa versão atual do site.

Essa nova versão é hospedada em um provedor pago, com um domínio próprio, uma opção que eu fiz para conseguir organizar o site dessa forma que eu acho interessante, com as suas divisões, com o visual da home etc.

Essa conta de hospedagem e domínio fica no valor de R$ 400 ao ano (sendo que, como naquelas coleções de banca, o primeiro foi menos da metade disso).

Fora isso eu tenho feito sorteios de materiais que eu ganho ou compro para os assinantes da newsletter (ainda não assina? clique aqui e participe). O que eu sorteio em si não tem custo algum ou o custo já foi absorvido pela minha compra normal, mas o envio para o sorteado tem um custo que fica em uma média de R$ 8 por pacote.

Fechando essa conta, eu preciso de R$ 500,00 por ano para pagar os custos do site, descontadas as taxas do intermediador do financiamento recorrente, eu preciso de R$ 50,00 por mês para manter o site no ar sem investir nada além do meu próprio trabalho.

É óbvio, é uma opção minha ter o site, é uma opção minha escrever os textos, desenhar quadrinhos e nunca pensei em viver disso e não faço o site para ter qualquer lucro e, o simples fato de alguém ler, do site ter alguma audiência, já é algo que eu agradeço demais a todos que visitam esse endereço.

Mas, em um mundo ideal, eu gostaria de pelo menos não sustentar o site. Eu ofereço sem custo os meus textos, mas também não tenho custos, isso já me basta.

Então, pra isso, eu fiz uma página de financiamento recorrente no Apoia-se. Funciona assim, você pode colaborar com qualquer valor, alguns dão direitos a recompensas e tudo mais.

Não sei se terá retorno o suficiente para manter o site, mas acho válido tentar, se não se mostrar viável, simplesmente cancelo e continuo pagando as contas normalmente.

A meta inicial então é essa de R$ 50/mês. Criei umas metas além dessa (afinal não custa sonhar) que é um valor de R$250/mês onde eu me atribuo um pagamento simbólico de 10 reais por post (o site tem uma média de 20/30 posts no mês, mas 20 é um número bem justo para a conta da remuneração); uma terceira meta de R$ 300/mês onde eu remuneraria simbolicamente os colaboradores com R$25 por colaboração (no momento esse colaborador é o Lielson com dois roteiros por mês); e finalizando uma quarta meta que são R$ 500/mês onde teria 4 colaborações no mês remuneradas com R$50,00 cada e faria sorteios semanais.

Como eu disse, independente disso eu vou continuar com o site, 2016 eu estou com esse projeto de aprendizado de desenho que incluem as entrevistas, pode ser que ele continue em 2017, pode ser que para lá eu pense em outra coisa, enfim.

Eu espero com o site poder criar esse espaço onde os leitores vem para ler críticas positivas das coisas que eu gosto, que isso ajude autores legais a venderem mais, espero que as pessoas encontrem coisas que as inspirem, as motive, não importa como, não importa quantas pessoas, além da minha satisfação pessoal espero que o site seja realmente útil para quem o lê.

Então, quem puder, clique aqui na página do Apoia-se e colabore para a manutenção do site, 1 real já ajuda.

Eu deixei duas opções onde eu substituo os banners do site por um banner encomendado, então se você tem uma editora, uma loja, uma empresa, ou mesmo um coletivo e quer divulgar o seu trabalho, você pode colaborar por lá e ganhar como recompensa esse espaço.

Se você tem dúvidas não só desse pedido de apoio, mas de qualquer coisa relacionada ao site, basta mandar um e-mail para contato@diletanteprofissional.com.br que eu atendo sem problemas.

Sobre pedir dinheiro e financiamento coletivo, sempre recomendo esse discurso da Amanda Palmer.

Obrigado novamente pela audiência.


Originally published at www.diletanteprofissional.com.br on February 19, 2016.