Sinta as suas palavras!

AnaLu Oliveira
Jun 20, 2018 · 2 min read

Tem um episódio em Grey’s Anatomy que um personagem está prestes a fazer uma cirurgia delicada e decide gravar mensagens para diversas pessoas que passaram pela sua vida. Foram inúmeras fitas com mensagens cheias de rancor, amor e demais sentimentos que ele tinha. A orientação que Meredith recebe é que elas devem ser enviadas para os mencionados nos vídeos. Meredith acha que o homem grava tudo aquilo por acreditar que vai morrer e ao acordar da cirurgia, pergunta se ele quer que poste as fitas nos correios mesmo assim. O homem responde: “sim. Um homem precisa dizer aquilo que sente”.

Tá, mas o que tem isso a ver com o que você vai falar, Ana? Ontem, vivi uma experiência intensa e bastante delicada com uma pessoa que fez parte da minha vida. Uma pessoa que me magoou e me feriu de várias maneiras e que eu temia ver novamente. Mas ao ver a pessoa ali na minha frente, tive o ímpeto de pedir para ficar a sós e disse tudo que estava entalado em mim. Tudo! Cada palavra regada a lágrimas e muita sinceridade foi dita sem nenhum arrependimento, sem nenhum pesar. E como foi libertador ter dito tudo aquilo!

Muitas vezes o silêncio é nosso aliado, mas também pode se tornar nosso inimigo e nos custar um preço alto. Pode custar nossa saúde mental e física. Tão importante quanto saber a hora de calar é saber a hora de falar. Não deixe de falar sobre os seus sentimentos. Não deixe que coisas mal resolvidas te assombrem e tome de você o direito de viver bem. Ontem, depois de ter dito que eu sempre quis dizer, eu entendi as palavras do paciente da Meredith. Dizer o que se sente é importante.

Ter feito isso me garantiu uma noite de sono maravilhosa (a melhor que tive em meses). Me garantiu um novo recomeço e a certeza de que a vida que tenho agora é melhor.

Não tenha medo das suas palavras nem das suas lágrimas. Não tenha medo do seu sentimento. Diga, sinta e se liberte!

AnaLu Oliveira

Written by

Publicitária e antropóloga. Libriana tagarela, louca dos signos e mãe de cachorro.