2 orgasmos
Valenttina
582

Interessante seu texto, pois podemos fazer um paralelo com os dois ditos principais relacionamentos de hoje. O movido à sexo, e o movido ao intelectual.

Por um lado somos aconselhados a nos apegarmos somente às pessoas com um nível intelectual satisfatório (e de bônus estabilidade financeira). Pessoas essas capazes de nos produzir um momento anti-tédio, reflexões profundas, crises existenciais e que nos façam duvidar do próprio conhecimento.

Por outro, temos os conselheiros sexuais. Onde o melhor relacionamento é aquele com o sexo delirante que faz m as pernas bambearem. Onde há sexo oral sem nojo de ambas as partes e sempre é encontrado o famoso ponto G.

Bom, eu não tenho opinião formada sobre isso. Até porque não experimentei nenhum tipo de orgasmo. Mas achei muito interessante sua decisão final. Só não sei se nós, como humanos, consigamos ter total clareza de quando esse momento chegar.

Show your support

Clapping shows how much you appreciated Marcos Oliveira’s story.