Poema de sete farsas

O mundo que acabou no muro
onde o menino não trepa,
Onde a erva não dana,
Onde a tinta não pega.

O muro que acabou no mundo
onde trepa o menino,
Onde daninha é a erva
Onde a tinta é dor.

Muro mundo, vasto muro.

Pablo Sola

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.