Uma nova roupa para praticar Parkour

Com base na pesquisa feita pelo grupo sobre o Parkour e as tecnologias citadas anteriormente, em especial às aplicadas à indústria têxtil, pudemos desenvolver o conceito de novos produtos voltados para a prática do esporte, proporcionando mais segurança e entretenimento para os usuários.

Primeiramente, o esporte exige constante movimento daqueles que o praticam, além do fato de ser praticado ao ar livre, fazendo com que a captação de energia eólica, solar e por atrito faça sentido na criação de uma roupa inteligente. À partir desses métodos, a energia captada pode ser armazenada nos tecidos e usada para algumas funções desenvolvidas pelo grupo:

  • Carregar, sem fio, a bateria de aparelhos eletrônicos, como smartphones; assim, o usuário não precisa carregar uma fonte externa de energia que ocupa espaço e peso, prejudicando o desempenho do atleta. Ao colocar o celular dentro de um bolso interno revestido com tecido condutor de energia, ele também pode ficar mais tempo na rua sem se preocupar em ficar sem bateria.
  • Tecnologia wireless Bluetooth, para que o celular possa se conectar com a roupa e aproveitar o uso do teclado capacitivo.
  • Um teclado capacitivo localizado no antebraço esquerdo proporcionará comandos rápidos e simples para que seja possível trocar a música tocada no celular e atender ligações.

Além das funcionalidades listadas acima, a proteção na região dos pulsos é uma necessidade, uma vez que a área é um ponto de apoio importante e sofre com atrito constante. Pensando nisso, tanto o material da calça quanto a parte do punho da blusa serão feitos com um tecido à base de nanotubos de carbono, devido à sua resistência, elasticidade e durabilidade.

Em relação à modelagem, tanto a calça como a blusa terão caimento despojado, com sobra de tecido suficiente para que os movimentos exercidos não sejam restritos de forma alguma, dando margem suficiente para pulos, cambalhotas e corrida.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.