Perdi Minha Carteira

Perdi minha carteira
Encontrei um tanto de sentimentos
Preciso de um papel pra provar quem sou
Preciso de um plástico para sobreviver
Preciso de notas para que me notem

O vazio no bolso deixou um vazio interno
Fiquei encarando o nada por horas
Tentando superar minha dependência
Daquele pedaço de couro costurado

As chances de encontrar são tão baixas
Quanto o limite do cartão que lá estava
Minhas crises existenciais não têm cura
Naquela minha certidão de identidade

Então, pra que preciso?

Foi aí que entendi, não por acaso
Tive que perder o que me dava limite
O que me registrava e nomeava
Me estimava algum valor
Pra poder me reinventar

Like what you read? Give Pedro Almeida a round of applause.

From a quick cheer to a standing ovation, clap to show how much you enjoyed this story.