Tudo Vira poema

Tudo vira amor
E com um simples olhar profundo
Tudo muda
Até mesmo
O ritmo do coração muda
A canção já não é a mesma
E a lembrança daquela noite
Já faz parte do meu dia a dia...

E o que dizer
Da velha
Leonoreta
Fin’roseta
Que está em todos os poemas
De amor
Igual a história de Romeu e julieta
Que através de um simples olhar
Já se amaram sem nunca terem um ao outro se desejado