Torcida Xavante: agora é hora de ganhar no grito; a bronca a gente deixa para depois

Um mês sem vitórias. Nas últimas cinco partidas, marcamos apenas um gol (e de pênalti). Desperdiçamos ótimas oportunidades no estádio Bento Freitas contra adversários diretos. A briga contra o rebaixamento tem nos exigido nervos de aço; e o clube, agora mais do que nunca em 2017, precisa da torcida.

E quando não foi assim?

Assessoria GEB

Na Baixada, os três pontos vão ter que vir ‘na marra’

Por mais que a gente procure e aponte culpados; que o Clemer não demonstre convicção nas escalações; que o nosso time tem o quarto pior ataque e a quarta pior defesa da competição; que houve muitos equívocos nas contratações e estamos pagando caro (literalmente) por isso; por mais que a gente saiba de tudo isso, não há outra alternativa senão lotar a Baixada nesta terça-feira, 7, contra o Paraná.

Clique e curta a página do Xavante da Baixada

Conseguimos listar uma série de erros, nomear inúmeros culpados e escrever enormes desabafos nas redes sociais. É verdade. Porém, os motivos para apoiarmos neste momento complicado são muito mais numerosos. A permanência na Série B não é uma escolha, mas uma necessidade. Uma conquista obtida após muito sacrifício de todos nós. Treinadores e jogadores vêm e vão, mas o Grêmio Esportivo Brasil permanece; e o clube e a Série B são nossos, e de mais ninguém.

Felizmente tudo indica que a nossa casa vai estar superlotada. A promoção lançada pela direção (ingresso a R$ 10 até as 13h de terça, depois R$ 20, além de outras vantagens para os sócios em dia) vai ajudar a trazer muitos rubro-negros que, lamentavelmente, ficaram de fora de grande parte do ano rubro-negro.

Não é a primeira vez nem será a última que a torcida vai fardar a camisa 12 e empurrar a bola para dentro do gol. O maior jogador do Brasil sempre foi a sua torcida. Todos os caminhos nos levam ao estádio Bento Freitas.

A bronca a gente deixa para depois.


Originally published at espnfc.espn.com.br.