Mundo perfeito

Pai, acho que não sou um bom filho.

Você não responde as minhas ligações. Eu te decepcionei? Eu sou um filho ruim?

Talvez eu seja uma pessoa ruim, mas eu juro, eu juro que sou uma pessoa ruim dando o meu máximo pra me tornar uma pessoa boa.

Talvez eu ande por caminhos tortos mas eu tento fazer o bem!

Droga, nós não vivemos em um mundo perfeito não é mesmo? Um mundo perfeito bem longe daqui, sem aflições ou machucados. Sem guerras e brigas. Sem fome e pestes.

Mas o mundo não é assim.

Então eu faço minha jornada, você dando sua aprovação ou não, eu sigo tentando ser a luz na escuridão, procurando por algo que eu ainda não sei o que é, não sei onde encontrar, mas eu sei que um dia eu vou chegar lá e vou voltar pra casa.

Pai, me de forças para que onde haja ódio, eu leve amor. Onde houver ofensa, eu leve o perdão. Onde houver a dúvida, fé. Onde houver desespero, que eu leve esperança e onde há escuridão, luz.

Show your support

Clapping shows how much you appreciated Pedro Mendes’s story.