Noites e identidades perdidas.

Durante as noites em que eu não conseguia dormir, aquelas minhas piores noites, no meu pior estado mental possível, eu gostava de pensar no que as pessoas estavam fazendo naquela hora. Digo, aquelas luzes acessas nos prédios. Só algumas ficam acessas. O que será que estariam fazendo aqueles seres humanos naquela hora da noite enquanto eu tentava dormir? Será que alguma vez alguém já compartilhou desse sofrimento comigo?

Era horrível não conseguir dormir. Era enlouquecedor, seu cérebro se recusar a desligar enquanto o seu corpo está terrivelmente cansado, é simplesmente desesperador.Quando você sofre de insônia “ Tudo fica distante, como uma cópia da cópia da cópia…”. Hoje eu tenho boas noites e inclusive bons sonhos. Graças a isso o meu humor tem melhorado muito e eu tenho criado uma identidade.

Essa busca por uma identidade é bem difícil. Quem eu sou e o que eu pretendo ser? Acho que isso não deveria ter tanta importância assim. Eu sou quem sou. Gosto do tipo de música que quiser e leio os tipos de livros que quiser. Gosto de filmes e séries de gêneros diferentes e tudo bem nisso. Sabe por que? Por que você pode ser o que e quem você quiser ser, contanto que você esteja se sentindo bem com isso. O importante é estar em paz.