Precisamos falar sobre novos modelos de negócio

É sempre difícil identificar quando estamos fazendo algo novo ou apenas copiando modelos já criados. Por essência e segurança, nossa sociedade tende a repetir hábitos e tradições do passado, criando assim um bolha protetora contra tudo o que é novo.

Um bom livro que recomendo sobre o assunto é O Poder do Hábito (eBook). Nessa edição, o repórter investigativo do New York Times, Charles Duhigg, entrevistou mais de trezentos cientistas, sociólogos, publicitários e executivos do mercado para entender como os hábitos funcionam. Ele afirma que transformar seus hábitos pode gerar bilhões e criar empresas de sucesso. Essa mudança ou não, significa a diferença entre fracasso e vitória, vida e morte.

O Uber é um bom exemplo de modelo de negócio que incomoda, talvez por derrubar a hegemonia do transporte privado ou apenas por ferir a falsa democracia em que vivemos. Quem é o contra o serviço, reage com ignorância e violência, ajudando ainda mais essa nova empresa crescer.

Tenho a convicção que as empresas do futuro serão construídas assim, nos tirando da zona de conforto, nos fazendo experimentar novas experiências, entregando o que realmente precisamos.