Milagre digital existe: identificando sem custo nem autoridade!
Peter Krauss
1

Comentei que para acontecer de duplicar o SHA1 de dois descritores, “o seria um azar muito grande”… Mas matematicamente existe, já se havia comprovado um caso teórico, e mais cedo ou mais tarde apareceria um caso prático. Foi o que **ocorreu ontem**, descobriram dois documentos PDF com mesmo SHA1!! https://security.googleblog.com/2017/02/announcing-first-sha1-collision.html 
Por isso é importante o que lembrei em seguida, conforme a aplicação (ex. segurança) **já é hora de usar o padrão SHA2**… O novo padrão será válido como “perfeito” (a prova de ataques) por uns 5 ou 10 anos quem sabe… Mas cuidado com o alerde, em aplicações mais simples, onde o risco remoto de duplicidade é tolerável, não é preciso.