Pensamentos tão simples, agora escancarados e longe de enigmáticos.

O coronavirus nos afeta no nosso campo da saúde, chamando cada um a cuidar da limpeza, a mantermos a higiene, a lavar as mãos constantemente. Como esquecemos desse simples hábito?

Governos se desesperam tendo que imprimir aos tubos mais dinheiro, sabendo que que estão somente postergando um problema pior, o fim do sistema econômico-capitalista. Mas isso já não estava óbvio?

Maridos e famílias devem trabalhar de casa e ter que dividir tarefas cotidianas, cuidar dos filhos, conversar, estar presente. Não era estranho ser tão diferente disso?

A bolsa de valores lembra…


Essa semana, durante o período de quarentena por conta do coronavirus, recebi em um grupo de WhatsApp uma mensagem que convocava todos a saírem às janelas em um determinado horário daquele dia para aplaudir os homens que agora se encontram em casa, ajudando com os serviços e demandas caseiras, antes relegados na maioria dos casos às mulheres.

Se parasse por aí, pura e simplesmente não acharia a iniciativa de todo descabida. Desde que fosse feito o mesmo para as mulheres por vencerem aqueles desafios que a elas a situação também impõe.

A questão é que a mensagem tinha tom jocoso…


Em 1997, a convite de um amigo que se tornou um grande amigo, o du rombauer, participei do início de um evento revolucionário que perdurou por alguns poucos porém memoráveis anos: criamos um sarau no espaço KVA (uma casa de shows vanguardista no bairro de Pinheiros, em São Paulo).

Eu pouco conhecia sobre sarau, mas sentia que era uma oportunidade de criar um ambiente de encontro, diálogo, criatividade e, porque não, desenvolvimento humano e social.

O que ocorreu foi que os eventos, que se tornaram semanais, entraram como um programa fixo na agenda de cada vez mais pessoas. …


Há 5 anos participei de um curso na Harvard Business School chamado Authentic Leadership Development. Um programa voltado a executivos em uma estrutura de 3 fases de estudos:

1- a primeira em nível individual;

2- a segunda com um grupo de até 8 pessoas;

3- e a terceira com a participação de todos os alunos, no caso cerca de 80 pessoas.

Desenvolveu-se um programa em que cada participante encontrava o seu Sweetspot, ou seja, o seu ponto de maior motivação e maior habilidade, e que ele fosse desenvolvido e fortalecido no contexto dos três niveis de atividades.

Para além das…

Piatã Stoklos Kignel

Human Growth

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store