Gestão do conhecimento sistematiza o capital intelectual

A participação ativa do meio digital na nossa rotina possibilitou o acesso a um montante de informações nunca antes visto, e isso vem ajudando a modificar a percepção da relação entre bens tangíveis e intangíveis. Se, há algumas décadas, o que definia a importância de uma empresa eram os seus recursos físicos, hoje, pode-se dizer que o destaque fica por conta do conhecimento.

Considerando que vivemos na era da informação, na qual a economia tem como base a comunicação, a telecomunicação e as tecnologias da informação, todas as experiências e conteúdo que captamos no dia a dia geram conhecimento. Neste contexto, organizar e compartilhar experiências passam a ser itens básicos para a criação de valores e de capital intelectual nas empresas.

Mas, para tornar-se uma vantagem para as organizações, é preciso investir na adequação da armazenagem, manutenção e disseminação do conhecimento, ou seja, é preciso investir em Gestão do Conhecimento (GC). Esta disciplina se faz cada vez mais importante para as corporações, em especial no âmbito da Inteligência Competitiva (IC).

Isso por que a informação é a base de um projeto de IC que, além de captar dados externamente, deve utilizar-se dos dados captados por aqueles que compõe o próprio time da empresa.

As vantagens de fomentar a rede interna de troca de conhecimento proprietário vai desde o nivelamento por cima dos profissionais até o aumento da capacidade de avaliação a partir de informações indisponíveis para a concorrência.

Por exemplo: os colaboradores de uma equipe de vendas estão constantemente em contato com fornecedores, consumidores e com a rotina do mercado. Isso permite um levantamento incomum de dados úteis à empresa. O desafio fica a cargo de fazer este conhecimento chegar ao time responsável por definir as estratégias e os rumos da empresa.

Inteligência Competitiva x Gestão do Conhecimento

Estes dois termos têm uma forte relação e, por isso, é inevitável que a ação de um incida sobre a do outro. A IC objetiva agregar valor à informação, fortalecendo seu caráter estratégico e catalisando o processo de crescimento organizacional. Com a GC, é possível obter tal crescimento organizacional, especialmente a partir da busca pelo equilíbrio do capital intelectual entre todos os colaboradores.


Originally published at www.plugar.com.br on March 16, 2016.

Like what you read? Give Plugar Inteligência a round of applause.

From a quick cheer to a standing ovation, clap to show how much you enjoyed this story.