Existe uma pessoa certa para cada um de nós?

Para responder, é preciso considerar:
 1º Uma pesquisa que saiu uns 3 anos atrás concluiu que se apaixonar leva 4 minutos. Quando você se apaixona, 12 áreas do seu cérebro trabalham juntas para produzir o mesmo efeito eufórico que é notado nos usuários de cocaína. Se apaixonar é muito mais científico e racional do que a maioria de nós imagina.
 
 2º Não adianta você querer acreditar que vai encontrar a “pessoa certa” por aí se continuar ignorando os detalhes. Eu explico: quando você sai de casa para o trabalho, para o estudo, pra diversão, etc., entenda que qualquer coisa pode dar início a uma cadeia de lapsos no seu cérebro que direcionará uma informação para seu subconsciente que ficará lá para só se manifestar de verdade semanas depois num convite inocente, numa volta pra casa, numa conversa, numa fotografia ou enquanto está rolando uma música de fundo.

Entendidos esses pontos, minha opinião: Eu sempre achei que sim, que existia “o cara certo” guardado pra mim em algum lugar. Por várias vezes, eu modelei ele mentalmente e o tempo passou e nada né…, só que eu amadureci alguma coisa e passei a me preocupar mais em SER a pessoa certa do que efetivamente ENCONTRAR a pessoa certa. 
 
 E deu certo algumas vezes. Sim! Porque seria muita pretensão achar que uma única pessoa entre os mais de 7 bilhões de pessoas que habitam o planeta Terra seja a certa para você. Existem muitas pessoas de potencial incrível. Pessoas com quem você pode partilhar bons momentos e abrir seu coração — e outras com quem não pode. 
 
O negócio é reconhecer a pessoa. Porque quem dá o título de CERTA é você mesmo! A pessoa não vem com um adesivo ou com uma marca para garantir. Se falhou, a culpa é sua, inteiramente. Então, prepare-se para se enganar! Entre conhecer alguém e se apaixonar em 4 minutos e se dar conta disso semanas depois, tem toda uma trajetória. Só aprenda a prestar atenção!
 
Ah… tá, ainda não tem certeza? Eu entendo… Não existe nenhuma relação que comprove que a pessoa certa vai fazer sempre o certo. A pessoa certa vai cometer erros que vão te desanimar assim como você também não cumpre as expectativas dos seus pais plenamente sempre. A pessoa certa vai te fazer chorar e vai te consolar. A pessoa certa vai tirar seu sono e, com sorte, vai te dar outras noites incríveis. A pessoa certa vai até te magoar, mas vai se preocupar em te mimar para que tudo volte a ser como antes. Compreensão é a chave.
 
No mais, romantizando as coisas:
 Se você acha que vocês tem algo a mais, se você se sente envergonhado ou se simplesmente não sabe explicar… bem… Sempre vai ser a pessoa certa quando um olhar te revelar que você não quer que uma hora a certeza vem, de que o tempo valeu a pena, de que o comum não era a toa, de que as conexões não poderiam significar outra coisa.
BOA SORTE.


Originally published at umadosedepolly.blogspot.com.br on March 3, 2016.

A single golf clap? Or a long standing ovation?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.