Esse é sobre mim…

Todos são melhores do que eu. 
A minha casa é bagunçada. Minhas roupas se amontoam durante dias, aguardando o ferro de passar. Minha comida não tem "aquele" tempero. 
Ah... Eu amo dormir. Não posso ter uma tarde livre, que corro pra cama.
E quando "garro" num livro? Não largo até terminar, mesmo tendo roupa pra lavar.
Eu falo demais (e sem pensar).Eu gasto demais. Eu me apego demais. Eu amo demais. Mas amor não se enxerga né? 
Amor não se mede, não dá lucro. 
Amar pra quê? 
Eu queria ter tudo funcionando perfeitamente...Na minha casa, na minha vida. Mas não tenho. Eu queria ficar ligada no 220 o dia todo e ter pique pra realizar as tarefas possíveis e impossíveis. Eu queria ser amada pelo que sou e não pelo que faço. Eu queria...
E sou. Por alguns que enxergam além da cor das minhas asas. Por aqueles que , mesmo mesmo quando as vejo cinzentas, me dizem que o azul tá lá! 
E por esses "alguns", que eu continuo dançando. E tentando ser melhor.

Ilustração encontrada no vimeo

Show your support

Clapping shows how much you appreciated Priscila Luz’s story.