Paremos de nos segurar, de nos controlar. De tentar controlar o outro. Pode gritar Fora Temer e pode ir curtir a vibe das Olimpíadas. Pode pagar as contas todas do mês em dia e jogar Pokémon Go. Pode trabalhar mais de 10h por dia e se permitir, a cada intervalo, fechar os olhos, suspirar e pensar em alguém com aquela ternura. Pode debater filosofia e ouvir Anitta cantando "deixa ele chorar". Estejamos de olho é nisso! - no espaço que a leveza ocupa em nós. 
É preciso parar pra contemplar. Ouvir música, ler um livro. Cantar em casa acompanhado pelo disco tocando como se estivesse no palco. É fundamental sonhar. Sorrir. Até porque - e principalmente - se ficarmos só com as durezas da vida, vamos sucumbir.