Um textículo por dia

Será que consigo escrever um pequeno texto todos os dias de 2016, para retomar um pouco da paixão pela escrita?

Veremos.

O desafio é esse.

Não sei ainda se vai ser um diário, se vou comentar coisas do dia, se vai ser sobre mim ou o que vai ser. Vai ser tudo e talvez não vai ser nada.

Enfim.

Só tirando umas teias de aranha mesmo.

E sem muitas imagens. Não entendo muito disso, rs.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.