Considerações acerca de

Belchior não está interessado em nenhuma tiuria, mas eu como uma boa virginiana obsessiva, sim. É sempre bom ter um respaldo científico mesmo que não tenha sido provado por A mais B. Acredito que quanto mais analisamos situações, mais fácil fica pra gente investir no pau certo. Se misturar o misticismo das miga astral sobre energia sexual das pessoas (aquele que a o útero fica por sete anos com a energia alheia), cresce a necessidade de filtrar mesmo quem é que vai ter acesso à sua raba.

Pois bem, sejamos breves. Formulei essa teoria no Twitter, que permite muito menos caracteres e ela pareceu pertinente. Até os 24 anos o cara tem que ser bonito, ou pelos menos aquele feinho estiloso (estilo Marc De Marcos) que tem seu charme, pois a transa pode ser bem ruim. Acima dos 26, a experiência já muda um pouco, então o cara pode ser feio mesmo mas sua chance de uma transa boa aumenta. Na faixa dos 28 anos você já deve se despir da sua gordofobia, pois o metabolismo não é mais o mesmo e você não sabe se está prestes a pegar o famoso “gordinho gostoso”. Já depois dos 30, há de se fazer uma avaliação cautelosa, pois o cara pode ter tido um relacionamento monogâmico de longa data e ter perdido o traquejo. Os 25 anos são super trunfo.