Flooded Bassitt

Me chamaram pra fazer um texto pra apresentar o primeiro EP do Flooded Bassitt, projeto de dois grandes amigos meus e foi isso que saiu. Me chamem mais pra fazer isso e ouçam eles que tá animal.

Antes de falar sobre esse EP em si, quero falar sobre a primeira coisa que me veio a cabeça quando ouvi essas músicas prontas. Se você conhece as bandas anteriores de dois dos membros do Flooded Bassitt, você nunca imaginaria essa parceria, de um lado a raiva e agressividade do Ataque de tubarão, do outro, as melodias ensolaradas e acordes abertos do No Crowd Surfing eram dois estilos que a principio não parecesse possível que pudessem se unir.

Com apenas 6 minutos e duas músicas, o debut do Flooded Bassitt foi gravado em dois países diferentes, Raoni e Luana estão em Florianópolis, no sul do Brasil enquanto Murilo está em San Diego na Califórnia, EUA. Se os projetos anteriores eram tão diferentes sonoramente, há conceitos que são comuns entre os três, faça você mesmo ou morra, gravações caseiras e que o emo nunca foi embora.

As duas músicas passeiam por referencias diversas, além das já citadas, temos traços que vão da vibe 90’s revivida pelo Yuck, violões bad vibes alá elliott smith e principalmente referencias a bandas da nova safra do emo como Tigers Jaw e Title Fight.

Se você se identifica com tudo isso, dê o play, baixe o som e compartilhe por e-mail com seus melhores amigos incluindo aquele textão digno daquelas cartas que a galera mandava quando não havia nenhum app de mensagem instantânea lembrando aqueles bons momentos que vocês tiveram e ainda vão ter.