Dicas básicas de treinamento de gatos

Realmente é possível treinar um gato?

“Pegue a bola, gatinho! Procure o jornal, gatinho!”

Essas não são as ordens que você provavelmente fará ao seu gato nos próximos momentos — pelo menos não com algum sucesso rsrs.

Os gatos não são exatamente receptivos a esse tipo de treinamento.

Mas, isso não significa que você não possa treinar seu gato.

Você pode sim, e de forma muito eficaz.

E, durante o processo você poderá ensinar o seu gato a ser um membro muito mais agradável na sua casa.

Provavelmente, o primeiro treino que você deseja fazer com o seu gato é fazer com que ele use a caixa de areia… não é verdade?

TREINAMENTO O GATO A USAR A CAIXA DE AREIA

Treinar um gato para usar uma caixa de areia geralmente não é difícil.

Os gatos normalmente são limpos por natureza, e têm uma inclinação natural para enterrar seus resíduos. Use as seguintes etapas para treinar seu gato para começar a usar uma caixa de areia:

• Coloque o seu gato em uma caixa de areia limpa em uma área confinada, como uma sala da sua casa.

• Certifique-se de que seu gato tenha abundância de alimentos e água limpa.

• Se o seu gato faz as necessidades fora da caixa, coloque o lixo na caixa de areia. (Desculpe — precisa ser feito! O cheiro dos resíduos pode encorajar o gato a começar a usar a caixa.)

• Geralmente, dentro de um dia ou dois de ser confinado com a caixa de areia cheia de lixo, o gato começará a usar a caixa regularmente.

Se o seu gato ainda não estiver usando a caixa dentro de alguns dias, experimente isso:

Depois que o gato comeu, coloque o gato na caixa de areia e, em seguida, basta raspar um pouco a superfície da caixa com a ponta do dedo.

Se ainda assim ele não usa a caixa, verifique se a caixa está limpa.

Se já foi usado antes, limpe com bicarbonato de sódio e encha com areia limpa. Você também pode tentar vários tipos de caixa; às vezes, um gato se acostuma bem com uma marca e pode virar o nariz para outra marca.

Certifique-se também de que a caixa esteja localizada em uma área tranquila e isolada.

TREINAMENTO DE COMPORTAMENTO

Se o seu gato estiver fazendo algumas coisas, bem … das que você preferiria que NÃO fizesse, há uma boa chance de você conseguir treinar esse mau comportamento.

Mas primeiro, tente entender por que o gato está se comportando desse jeito. Há um motivo, e do ponto de vista do gato, é claro, o comportamento é perfeitamente razoável.

Se o gato está arranhando seus móveis, por exemplo, ele é geralmente impulsionado pelo instinto para fazer isso. Precisa arrancar algo — é um instinto de sobrevivência. Não precisa ser os seus móveis, mas algo… hehe!

Portanto, não há muitas formas de fazer com que seu gato pare de arranhar. Mas você pode treinar o gato para concentrar seu instinto de arranhar em objetos aceitáveis, como um brinquedo por exemplo.

Treine seu gato para se comportar adequadamente usando o reforço positivo, e não a punição.

NÃO brigue ou bata no gato quando arranhões os móveis. O gato não entenderá o motivo do seu comportamento e apenas aprenderá a ter medo de você. Em vez disso, recompense seu gato dando um presentinho quando ele arranha o brinquedinho dele.

DESENCORAJANDO A AGRESSIVIDADE

Se o seu gato às vezes brinca de forma muito agressiva e começa a morder ou a arranhar, esse comportamento pode sim ser treinado!

Quando você está brincando com seu gato e ele começar a morder ou a arranhar, assuste-o com um barulho alto. Você pode palpitar as mãos ou fazer um gemido — algo para assustar o gato para que ele pare o que está fazendo. E, em seguida, vá embora do lugar.

Faça isso toda vez que seu gato fica agressivo, e você descobrirá que a consequência de morder e arranhar é que o tempo de brincar chega ao fim. E ele vai começar a entender isso!!

Gostou das dicas? Então leia mais sobre o tema: como adestrar um gato

Leia também —como adestrar gatos

Artigo em inglês: Basic Cat Training Tips

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.