Image for post
Image for post
Foto de Johannes Plenio no Pexels

Quando me deito, gosto de olhar pela janela que fica logo acima da minha cama, para ver o pouquinho que consigo do céu em meio a tantos prédios ao redor.

De vez em quando bate uma brisa mais fria, que me lembra a sensação de caminhar pela cidade sentindo aquele ventinho no rosto. Vez ou outra sou interrompido por algum vizinho tossindo, cortando o clima de nostalgia que esses momentos me proporcionam e me trazendo para a realidade que estamos vivendo.

Ninguém estava preparado para ficar isolado por tanto tempo. Nunca passamos por isso e, a bem da verdade, ninguém sabe dizer ao certo por quanto tempo o ser humano aguenta viver sem ter contato com outras pessoas. …


Image for post
Image for post

Por trás do sorriso está o choro e o desespero. Tento enganar a todos com essa imagem de alguém que está sempre de bem com a vida.

Muitas pessoas não acreditam quando faço um comentário pessimista. Pensam que estou exagerando, que faz parte do “personagem” que criei. A verdade é que esses são alguns dos poucos momentos em que não estou interpretando o personagem de alguém feliz.

Carrego o peso de não conseguir me abrir como deveria. …


Era uma escolha óbvia: atravessar a rua correndo ou voltar para a calçada.

A fração de segundo que demorei para tomar essa decisão foi o suficiente para decidir o meu destino.

Primeiro um clarão e depois o vazio.

Um vazio como eu nunca havia sentido antes. E olha que, se me permite dizer, se tem uma coisa que eu senti por toda a minha vida, foi um vazio enorme.

Mas aquilo era outro nível.

Chegava a doer. …

About

Rafael Barbosa

Eu escrevo. Às vezes sai algo legal.

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store