Pode até demorar, mas uma hora vai

Foi assim, você chegou e eu me perdi. Na sua vida encontrei um espaço pra ficar e, desse jeito manso, você me conquistou e nunca quis me deixar.

Às vezes nos surpreendemos com o que a nossa própria vida nos traz, né? Quando a gente menos espera, algo vem e muda toda a nossa rotina. Faz com que a gente fique sonhando acordado, faz com que fiquemos mais ansiosos do que normalmente já somos — pelo menos eu sou. Ainda tenho aquele problema de achar que estou incomodando quem quer que converse comigo, mas parece que você quer me convencer o contrário a todo custo. E eu custo a acreditar. Mas um dia vai, certo?

Sempre escrevi textos românticos antes mesmo de ter alguém e, mesmo assim, consegui atingir a felicidade apenas por poder alcançar outros corações apaixonados em dias tão frios assim. É legal saber que ainda existe amor por aí, é legal saber que alguns amores não acabam por pequenos tropeços. Espero que um dia o meu seja assim também. Em compensação, tem uns outros por aí que prefiro nem comentar. Apenas lamento, já que não tem como ir até a pessoa e dar um leve safanão nela.

De um tropeço, esbarrei em você, foi difícil de acreditar e não foi fácil de entender. Até parece que você foi feita sob medida para aparecer justamente nessa fase da minha vida.

Sei que nunca tive alguém, sempre tive minhas séries e livros como companhia para um dia não tão normal assim. Mas sabe de uma coisa? Tá tudo bem. Assim como tudo na vida, sei que as coisas chegam no momento certo. Sei lá se é esse o da questão, mas eu to com o coração bem tranquilo.

Poucas pessoas conseguem acertar nas palavras que me fazem bem e quando conseguem, o coração não aguenta. Um sorriso toma conta do meu rosto e daquele jeito fico. Com várias imagens na cabeça e um sentimento bom batendo dentro do meu peito.

Por mais que eu possa dizer que não suporto os melodramas que existem por aí, eu bem que no fundo também quero viver um. Um dia, quem sabe, algo ou alguém não possa mudar a minha concepção de mundo e amor, né? Na realidade, algumas coisas já conseguiram me mudar, até porque chorar por cenas tristes mas que envolvem amor não é normal. Ou é?

Independente da resposta, sei que no fim vai ficar tudo bem. Não importa por quantas crises eu passe ou por quantos desamores me encontrem. Ao final as coisas se ajeitam e aí a vida segue que é uma beleza. Mais colorida, mais divertida, mais leve e mais amada.

Você consegue sentir? Você consegue perceber o bem que causou em mim?

Leia o texto “Era você antes mesmo de ser” em amanhatantofaz.wordpress.com

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.