Hoje o Brasil ganhou e você nem percebeu

Avaliando os números em grande escala, eram poucas as pessoas que sabiam que hoje (9), na Austrália mais precisamente no Melbourne Cricket Ground, estava acontecendo um clássico. Que para nós, não foi um mero clássico foi também um espetáculo de avanço nas transmissões midiáticas do país.

TV Cultura, 08:25am o ibope batia 3,7 pontos de rating, enquanto no mesmo horário a Globo batia 12,9 pontos (Dados tirados do GFK Brazil). Era segundo tempo o Brasil já perdia de 1×0 e mesmo assim os brasileiros pouco se atentaram que estava acontecendo, não era só um jogo. As formas como os veículos de comunicação se portaram foram praticamente iguais para quem só liga a tevê e resolve zapear pelos canais para se entreter. Porém, para aqueles que sabem como a sintonização e os valores de ibope podem influenciar na população, isso foi um desafio a ser estudado.

Brasil e Argentina se enfrentavam a mais de 100° jogos na história, mas nós ainda não tínhamos visto um grande veiculador de todos seus jogos perderem a força e ceder a transmissão para outros. Não se viu propagandas, não se viu lembretes, as pessoas mal sabiam que hoje era dia de jogo. O que mostra que ainda em mundo digitalizado os brasileiros se norteiam através da “detentora do esporte no Brasil”.

É claro que a TV Globo tem seu leque de visibilidade muito maior, é mais fácil realmente acessar a TV Globo e ela abrange todo país. Já a TV Cultura tem seu acesso um pouco mais restrito ainda que seja feito em tevê aberta. Contudo, foi alterado sua grade de programação para que o jogo fosse transmitido, a CBF contratou Nivaldo Pietro (FOX Sports), Pelé e o ex-jogador Denílson (Band) para fazerem parte da equipe de transmissão.

A CBF não pode ser vista como bom moço também, ainda que interesses externos estejam rodeando as cabeças de quem está pensando muito por trás do que está acontecendo, e notoriamente há dinheiro envolvido. Mas é visível que um passo foi dado, quando se fala sobre a diminuição do monopólio Globo.

INTERNET — Na internet o jogo também podia ser assistido, assim como no Atletiba, na final do estadual deste ano, transmitido por live no Facebook, a CBF TV adotou o mesmo modelo. Ainda que os índices sejam mais difíceis de serem apurados na livestreaming, era perceptível que os números de espectadores só cresciam ao decorrer das horas.

Entre esses haviam outros canais possíveis para verem o clássico, a operadora de Celular VIVO, patrocinadora da seleção; o Portal UOL, ambos fecharam ou já tinham acordo de transmissão dos jogos da seleção brasileira.

No quesito jogo a equipe brasileira foi mal, mas a derrota do técnico Tite com a canarinho, não pode ser vista negativamente. Já que dentro de campo o Brasil perdeu, mas ganhou muito fora dele, e um aspecto principal foi na pluralidade.