O quanto mais vou pensar nisto
“O quão fantástico era? 
O que será que deu errado?
Onde foi que tudo deixou de ser belo? “

Mas acho que agora tudo está melhor
tanto pra mim, quanto pra você
eu só podia entender metade do que estava dizendo
mas acho que você encontrou alguém que pode chegar perto

mas e a parte de mim que agora ninguém entende? 
o quanto tenho que pensar que cabe a mim entender
não é bom quando a gente se identifica com algo? 
Quando o beijo se encaixa tão perfeito quanto nossos defeitos?

isto tudo é tão confuso, parece que foi assim que me perdi
a impressão que tenho é que quanto mais caio, mais próximo eu fico

E o pior é pensar que não tenho desejo de voltar
mas é vontade de sentir aquilo de novo
esta não é uma carta de saudades
é só mais um pensamento das minhas vontades

pois sei que estamos mais um pro outro desta forma
mesmo eu tendo que recolher alguns pedaços de quando me estilhacei
talvez quando tudo terminar não tenha restado muito de mim
talvez sendo alguém novo surja alguém que me entenda melhor

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.