O SEGREDO DAS MEDALHAS DO BRASIL

As olimpíadas do rio já estão terminando — ê saudade. Parece que as últimas semanas passaram mais rápido que as contagens regressivas da ana paula padrão (o que pensando bem não é tão difícil). Mas como já dizia o grande poeta charlie brown jr: 'só o que é bom constrói pontes inesquecíveis’ ou algo do tipo.

E é isso mesmo, apesar de não ter tido oooeeeaaa, ou ataque terrorista (graças a allah), esses djogos não vão ser esquecidos tão cedo. Principalmente, porque apesar do brasil ter começado meio em primeira marcha, agora no final ele deu uma deslanchada pra torcida nenhuma vaiar — nem a mais coxinha delas. A gente tá quase chegando no número de medalhas do phelps, meu, vai tirando.

E depois de horas e mais horas de análise profunda, eu finalmente descobri o segredo por trás de todas as nossas conquistas. Acompanha meu raciocínio:

Primeiro, eu estava achando que o segredo era o exército. 95,83% dos brasileiros que ganharam medalha são tenentes. Eu mesmo comi uma lasanha tão show esses dias que quando terminei fiz uma continência pra representar. Mas só ser do exército não é suficiente.

Depois, eu pensei que o esquema estava todo na vestimenta. Os judocas com os judoguis, o cara do tiro com aquele óculos maneiro, os ginastas com o colanzinho. Mas aí apareceu o isaquias queiroz, que bem, se essa roupinha bazinga-mostrando-mamilo for o segredo dele, eu não quero ganhar uma medalha jamais…

Por fim, eu tava desconfiando que a tática podia vir dos técnicos. Não é a toa que o bernardinho tá aí na final, o cara se entrega pela seleção como ninguém. O coração dele já dilatou mais que qualquer um na história. Mas se técnico fosse resposta pra algo, o micale que me perdoe, mas a gente não deveria ganhar nem desafio ao galo. O cara usa um óculos menor que os próprios olhos, não dá pra levar a sério.

Foi então que eu cheguei na real conclusão. O verdadeiro elixir das glórias brasileiras. A espiral da sequência de fibonacci em forma de pessoa. As proporções áureas distribuídas no corpo de um ser. O dustin de stranger things versão adulta. O labrador humano. A heineken num churrasco cheio de itaipavas. O segredo das medalhas do brasil é um só: a presença de gustavo kuerten na vila olímpica:

Que homem. Que sorriso. Que quadril defeituoso.

̶N̶e̶y̶m̶a̶r̶
̶M̶a̶r̶t̶a̶

Guga