Onde você está Agora?

“Quando Alice estava tomando chá com o Chapeleiro Louco, ela notou que não havia geleia. Pediu, então, geleia, e ele disse: ‘A geleia é servida dia sim, dia não’. Alice reclamou: ‘Mas ontem também não havia geleia!’ ‘Isso mesmo’ respondeu o Chapeleiro Louco. ‘A regra é esta: geleia sempre ontem e geleia amanhã, nunca geleia hoje… porque hoje não é ontem nem amanhã.’

E é assim que você está vivendo: geleia ontem, geleia amanhã, nunca geleia hoje. E é aí que está a geleia! Assim você imagina; você vive em um estado dopado, sonolento. Você esqueceu completamente que este momento é o único momento real. E, se quiser algum contato com a realidade, acorde aqui e agora!”

Neste trecho do livro O homem que amava gaivotas, Osho ilustra bem como na maior parte do “tempo” estamos vivendo entre o passado e o futuro e não o presente.

Em seu livro O Poder do Agora, pelo qual sou apaixonada, Eckhart Tolle dedica um capítulo inteiro para mostrar as estratégias da mente para evitar o agora. Coloquei aspas na palavra tempo porque ele explica que “estar livre do tempo é estar livre da necessidade psicológica do passado para formar a sua identidade e do futuro para atingir a sua realização pessoal”. E é enfático em dizer que “A perda do Agora é a perda do Ser”.

E posso dizer, por experiência própria, que concordo plenamente. Passei muitos anos presa ao passado e esperando um futuro que não chegava. Muitas frustrações depois e com aquele nó na garganta, aceitei ajuda e comecei a olhar para mim, observando meus pensamentos e emoções. Tomei consciência.

Será que ao fazer isso gostamos do que vemos? Será que é essa a ideia que fazemos de nós?

E o que tanto procuramos? Essa ansiedade que nos invade acrescenta um único dia à nossa vida?

A falta da consciência do Ser criou uma humanidade infeliz, ressentida, negativa e violenta. Nós somos a ameaça, para nós mesmos e para o planeta. O noticiário que o diga!

Pare para se observar, para sentir e refletir sobre qual energia quer para si: positiva ou negativa. Ser feliz de verdade ou…

Parece que a maioria das pessoas está tão ocupada em chegar ao futuro que o presente parece não existir, não ser necessário e acaba não sendo vivido. Só que o futuro chegou, e chegou de novo, e mais uma vez…

Se você fosse o Neo de Matrix e Morpheus pedisse para escolher, seria a pílula azul ou a vermelha? Liberte-se da negatividade e da inconsciência, seja presente e viva o Agora!

O único momento que existe é esse, em que está lendo esse texto. A única coisa que importa é o que está fazendo hoje para que o amanhã seja sim esplendoroso e próspero.

Onde você está Agora? A vida começa onde não há geleia.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.