Você sabe o que é uma Empresa Livre?

Muitos me perguntam — O que é uma “Empresa Livre”?

Não existe um conceito específico a respeito, mas na minha concepção penso o seguinte, uma Empresa Livre para começo de conversa é uma empresa nada convencional e fora dos paramentos estipulados pela nossa sociedade e pelo capitalismo arcaico. Trata-se de um processo do novo mundo, onde não existe CTPS, seguro desemprego, vínculos trabalhistas por exemplo. É uma empresa horizontal, ou seja, aberta a pessoas que buscam um novo modo de compartilhar o seu conhecimento e experiência, seja de vida ou profissional, desde que sinta uma compatibilidade com a missão da Empresa Livre e onde todos lucram de forma homogênea e consciente; nem mais, nem menos para um ou para outro. Não existem chefias, hierarquias. Não há disputas, pois não existem donos, proprietários, muito menos CNPJ, Inscrição Estadual, Municipal ou qualquer outro tipo de órgão que exija algum tipo de registro ou inscrição. Não existe período de experiência de 45, 60 ou 90 dias, nem aviso prévio, 13 ou 14 salário, licença maternidade, contratos determinado ou indeterminado, nem nenhuma das regras estabelecidas, criadas, inventadas pelo ser humano. É um novo modelo onde há o compartilhamento de conhecimentos, objetivando a criação de novos processos para gerar novas possibilidades que atendam as necessidades das pessoas.

Se a Empresa Livre precisa de um Contador, a mesma buscará entre seus conhecidos, indicações ou de outra forma estipulada pelos seus atuais integrantes. O requisito exigido digamos assim, seria primeiramente é a pessoa ter real interesse em fazer parte desse novo projeto, mundo novo e claro ter como contribuir com seu conhecimento e experiência.

Evidente que temos muitos questionamentos, até porque esses questionamentos provem do modelo antigo.

Creio que a pergunta principal seja talvez, como adequar, ambientar a Empresa Livre na realidade atual e transitória.

Digo que não tenho todas as respostas ainda, mas que trata-se de um processo sendo estudado. Atualmente conheço a Baobbá, empresa livre na cidade de São Paulo que também esta descobrindo como será sua caminhada, mas em um processo um pouco mais adiantado. E agora existe a Jatobhá em Belo Horizonte que já começou seus processos, dando o seu start em eventos ligados a novos conhecimentos como sincronicidade, sinergia, espiritualidade, culturas diversas, infinitas possibilidades, entre outros.

A empresa livre nasce do zero, tudo novo em todos os seus campos.

Algumas empresas e ou projetos que se organizam em rede ou de maneira livre:

Dervish

Rede Ubutu

Springpoint

Play the Call

Associação Livre

Creio nessa visão de “Empresa Livre”.

Seu rumo, seu caminho qual será ainda não posso dizer, até porque estamos descobrindo. O importante é que acredito como muitas pessoas que conheço e também não conheço, em um novo modelo, mais positivo, consciente, justo, saudável e alegre de produzir, compartilhar e obter recursos financeiros necessários.

“Sonho meu, sonho seu… Sonho nosso!”
Like what you read? Give Rodrigo Sol a round of applause.

From a quick cheer to a standing ovation, clap to show how much you enjoyed this story.