Por uma vida de simplicidade

Menos horas extras e mais happy hours.

Cabo Polonio, o melhor lugar para ser simples

Tudo por uma vida mais simples. Diminuir a quantidade de sonhos e aumentar as horas de sono. Não perder a magia do fazer e conquistar, isso nunca. Está no nosso sangue. Mas saber selecionar as batalhas e, mais importante que tudo, saborear como se deve cada vitória.

Em uma vida que não cabe dentro das 24 horas diárias em que estamos confinados, viver é possível, mas vivenciar não. Experimentar. Provar. Sentir. Não quero passar pela existência correndo de ideia a ideia, projeto a projeto, pessoa a pessoa. Quero desenvolver cada ideia até transformá-la em verdade. Quero dedicar meu coração e alma para que um bom projeto cresça e impacte o mundo. Quero ter o tempo e a perspicácia para conhecer as pessoas que se conectam comigo. Saber sua história, compartilhar a minha. E que não seja uma história sobre viagens contra o tempo, mas que seja uma viagem no tempo presente. Com toques de esperança de um futuro mais brilhante e com o calor da nostalgia de um passado inspirador. Concreta, real, aqui, agora.

É tudo uma questão de matemática. Dividir, somar, subtrair. Nos 60 segundos de cada um dos 60 minutos de cada hora, potenciar o que vale a pena e apagar equações que não fazem sentido. É preciso ter tempo para cuidar da gente, do nosso corpo, da nossa mente, do nosso coração. Ter paz, descansar, alimentar-se, estar disposta. Recarregar as baterias ao lado das pessoas amadas. Tudo isso para desfrutar do presente que é estar viva e também para ter a energia necessária para ser e fazer. Eu pessoalmente quero escrever. Quero realizar bem meu trabalho. Quero ajudar a quem possa, como possa. Quero me sentir feliz e espalhar esse contentamento por aí. Potenciar meus segundos em momentos de serenidade, alegria e amor.

Para isso, não há nada melhor que ser simples. Para uma vida em paz, basta saber tomar pequenas decisões. Dar pequenos passos. Se concentrar nas pequenas coisas. Ser minimalista. Dividir o tempo entre o que precisamos fazer e o que queremos. Mais prioridades, mais foco, mais certeza. Menos distrações. Um respiro, um sono, uma refeição. Concentração total na tarefa diante de mim, consciência total da importância que ela representa. Estar viva, mas também vivenciar cada momento da existência. Completar ciclos. Terminar listas. Para cada coisa, um tempo. Para cada tempo, um foco. Simplicidade. Simples assim!


Obrigada por ler! Se gostou desse post, clique no coraçãozinho ali do lado e me ajude a chegar a mais pessoas!