Autorresponsabilidade

Se pudéssemos definir Inteligência Emocional em uma palavra seria essa: autorresponsabilidade. A primeira estaca de uma base emocional sólida, madura e adulta. #uow

Perceba, somos estimulados/pressionados desde a infância, a desenvolver nosso intelecto intensamente: a sermos competitivos, a estudarmos, conquistarmos diplomas, certificados, trabalharmos 12 horas/dia ou até mais, buscarmos insanamente um plano de carreira, conquistarmos bens materiais, status…

E esquecemos de olhar pra dentro de nós. Não sabemos lidar com as nossas emoções, com os nossos sentimentos, desejos, vontades. Resultado: adultos com emoções infantilizadas; terceirizadores de culpa/responsabilidade.

CULPA X RESPONSABILIDADE

A culpa te afunda, a responsabilidade te move! Lembre-se que sempre, em toda e qualquer situação que você viveu, vive ou viverá, você possui 50% de responsabilidade sobre isso. A partir daí, resolva o que precisa ser resolvido. E vida que segue!

TÁ, MAS E AGORA?

De acordo com pesquisadores, nosso DNA não é apenas responsável pela construção do nosso corpo, mas também serve como um banco de dados e na comunicação. Nosso DNA pode ser reprogramado por palavras e frequências.

Isso explica, cientificamente, porque as afirmações, o treinamento em inteligência emocional, hipnose e similares podem ter efeitos tão fortes nos humanos e seus corpos. Parece mágica, mas é a Lei da Atração sendo aplicada em níveis moleculares. É como se o nosso DNA tivesse ouvidos, e uma imensa vontade de obedecer-nos.

Converse consigo, reprograme-se. Desenvolva suas emoções. Dê significado à sua existência. Assuma seus erros (responsabilidades), aprenda com eles, e se permita cometer novos. Tamo aqui pra isso! o/

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.