Henrique D.
Henrique D.

Henrique D.

Escondo e guardo sob a língua a palavra jamais dita, a verdade a poucos desvelada, a fina camada que a envolve e oculta, a monstruosa plica fimbriata.