O marketing digital não deve ser sua primeira escolha

Quando o marketing digital deixa de ser um aliado e se torna o vilão

Depois de quase 10 anos atendendo clientes dos mais variados segmentos, posso dizer que mais de 90% (isso mesmo) pensam no marketing como solução de todos os problemas de venda da empresa, colocando assim, todas as fichas na propaganda do seu negócio.

Talvez, isso faça parte de uma cultura em que o empresário no Brasil não precise estudar muitos cenários, nem se preocupar tanto com planejamento para vender seu produto ou serviço. Pois, em outras épocas, todo negócio era bom e tinha mercado para tudo e todos.

Se manter no mercado hoje é para poucos, é para os que souberam planejar, provando que ainda tem muito gás pra inovar e ter diferencial competitivo. O perfil destes grandes empresários hoje possuem mais de 50 anos e foram pioneiros no uso do planejamento estratégico de suas empresas, num período onde ainda nem se usava essa expressão, mas até hoje continuam inovando.

Infelizmente, a maioria das empresas no Brasil sequer possuem um plano negócios, o que algumas vezes pode até não acarretar em nenhum problema sério. Contudo, a empresa não consegue ter uma visão clara do que quer para si e do mercado, gerando assim uma miopia estratégica do seu negócio.

Mas os problemas não param por aí. O empresário não possuindo um planejamento, não consegue identificar por exemplo, quais são os problemas ocultos que podem estar prejudicando suas vendas. Recentemente, orientei um trabalho acadêmico de planejamento de marketing de um restaurante de comida saudável que funcionava há um ano, apresentava ótima identidade visual e estava muito bem localizado. Entretanto, a proprietária se queixava de que não conseguia ter lucro, as contas só empatavam. A primeira pergunta que foi feita é se ela possuía um plano de negócios e a resposta, como já esperada, foi que não.

Nisto, começamos a desenvolver um trabalho de introspecção para identificar quais eram os pontos que ela não enxergava e que poderiam estar prejudicando suas vendas, para daí então partirmos para o planejamento de marketing. Descobrimos, através de um cliente oculto, que alguns pontos poderiam ser melhorados, como a própria percepção da marca como referência neste setor de comida saudável.

Resumindo, além da falta de um plano de negócios, ela não conseguia se posicionar no mercado por que não tinha um público segmentado e não tinha um diferencial competitivo que a colocasse como primeira opção de comida saudável no bairro, apesar de ser rodeada por diversas academias.

No caso deste restaurante, o próximo passo de um planejamento de marketing digital, só poderia ser dado se houvesse um plano de negócios bem definido, com objetivos e metas a curto prazo. Desta forma, um trabalho de branding poderia ser desenvolvido para daí então investir em estratégias de atração de novos clientes.

Portanto, o marketing digital, só deverá ser iniciado, se o empresário estiver ciente dos problemas que possui em números, através de uma análise do seu planejamento estratégico, para daí então partir para uma estratégia de propaganda, seja na internet ou fora dela. Assim, o trabalho da agência dará muito mais resultados e as chances de uma frustação e possíveis problemas com o cliente serão minimizados.

Espero que tenham gostado do artigo. Se houver alguma dúvida ou sugestões é só comentar.

Um grande abraço e até breve!