O que seria diferente se mulheres liderassem a vida pública e econômica?

Rita Monte
Aug 12 · 15 min read
Grupo multicultural e multigeracional de mulheres depois do meu workshop de Poder Feminino, no Retiro Internacional de Mulheres, na Dinamarca (julho/19)

Penso muito a respeito do poder no nome. O poder que vem quando nomeamos as coisas à nossa maneira, quando expressamos o que está latente dentro de nós; e porque não dizer: “quando expressamos nossos potenciais” — em alusão ao nosso querido GEP (Grupo de Expressão de Potenciais). Lembro-me de nós naquele café nomeando que você estava se preparando para ir pro mundo com o seu trabalho. Imaginávamos na época a magnitude onde isso tudo iria dar?

“O papel das mulheres na transição de um mundo em crise”, “novas economias”, “poder feminino”, “que mundo pode nascer de mulheres empoderadas?”, “identidade feminina não baseada em limitações e condicionamentos culturais” — são temas de uma vida inteira em mim. São dores, lutas, resistência, vontade, paixão, disciplina e tantas outras qualidades! Que agora quero que sejam mais leves (como falamos). É ocupação. São aberturas que fizemos/fazemos em nós, abrindo caminhos para as próximas. E também para nós mesmas ocuparmos nosso lugar de honra. Dentro de nós e pra fora também.

Eu em meus ambientes corporativos hoje consigo enxergar que quando eu chego, um time é criado. Corações separados e medrosos se juntam, se fortalecem, se tornam UM TODO. Eu nunca havia visto isso antes, mas hoje vejo, olho pra trás e enxergo estes times criados quando estou presente. Eu não sei direito que mágica acontece, mas pessoas percebem, falam e eu vejo a transformação acontecendo, muito além, muito além. Na sutileza do invisível. Fico estupefata. É gigante!

Greta Thunberg, literalmente uma mulher vindo-a-ser que já encarna os posicionamentos de uma liderança feminina íntegra, e inspira milhões de mulheres-feitas a agir nessa direção. Aos 15 anos, ela falou a líderes globais (homens brancos, em maioria): “Não estou aqui para implorar por sua atenção. Vocês nos ignoraram no passado, e vão nos ignorar agora. Estou aqui pela Justiça Climática. E para avisar: a mudança no sistema vai acontecer, quer vocês queiram ou não”.

Empoderamento Feminino: que processo é esse?

Um sonho de futuro? — Poder Feminino na Dinamarca

Vista da Biblioteca Pública de Copenhagen, na "orla" que é pura mobilidade: gente a pé, de bike, carro, barco.
Bairro turístico deslumbrante de baladinhas
Centro de arquitetura (tipo um Sesc), que inclui espaços para as crianças e adultos relaxarem — na fachada
Um dos diversos equipamentos urbanos para as crianças usufruírem. Na "orla" da cidade.
Meu talk sobre lideranças femininas na conferência The Coming Storm. Foi a única palestra em círculo (que eu abri), formato em que todos nos vemos e todos somos co-responsáveis pela qualidade das falas, que podem ser trocadas, em vez de terem uma direção unilateral (palestrante-platéia).

"Qual o papel dos homens em achar saídas para esta crise? Bem, eles já tiveram um grande papel em destruir o planeta".

Não é para as mulheres que você deve falar — eu falo com elas. Você fala com os homens. Você precisa sentir a dor de ser o machista em revisão que você é. E falar com homens a partir do machista em revisão que você é. Se você for capaz disso, sentir as dores disso, e contar as suas histórias, então faremos uma boa dupla. Porque os homens se verão em você, e é para isso que você está lá.

Final da minha apresentação, e diversos grupinhos pipocaram espontaneamente, para continuar refletindo. Foi a única palestra em que isso aconteceu.

Rita Monte

Written by

Por mais mulheres apropriadas do brilho que nossos filhxs enxergam na gente. www.ritamonte.com

Welcome to a place where words matter. On Medium, smart voices and original ideas take center stage - with no ads in sight. Watch
Follow all the topics you care about, and we’ll deliver the best stories for you to your homepage and inbox. Explore
Get unlimited access to the best stories on Medium — and support writers while you’re at it. Just $5/month. Upgrade