a felicidade está na experiência não na posse

hoje estudando sobre o futuro (sim!) me deparei com essa frase aí do título que fez muito sentido pra mim. ela conectada a uma lógica da abundância.

de uma forma bem resumida (você pode ler mais sobre clicando no link acima) esta teoria (ou seria uma lógica?) parte do pressuposto de que aquilo que precisamos existe em abundância. por consequência, todos podem ter acesso. logo, não há a necessidade de estocar os recursos e faço eles circularem. e assim vai…

a questão é que a gente está acostumado a operar numa lógica da escassez, onde os recursos não existem de forma suficiente e uma parcela da população passa a estocar, com medo de não ter. mesmo que a produção aumente, é essa mesma parcela que vai lá e compra (isso também tá presente em estratégias de marketing, que fazem você acreditar que algo está se acabando e você precisa ter aquilo) e assim eles não circulam.

e isso me fez ficar pensando no ponto de vista da educação, que é outro assunto que me interessa bastante. o modos operandi do ensino ainda está na lógica da escassez: eu detenho o conhecimento e vou te passar aquilo que e da forma que me convém. ou eu vou manter esse conhecimento pra mim porque tenho medo do que você pode fazer com ele. só que o futuro é exponencial, ele progride de forma geométrica (1,2,4,8,16) e isso possibilita uma curva de evolução muito rápida e com possibilidades inimagináveis de onde podemos chegar — aqui vale clicar naquele link “futuro” lá em cima se você ainda não o fez!

e não dá pra pensar no futuro de forma linear, leia-se da escassez.

se eu tenho o conhecimento, eu compartilho e gero um aprendizado. o aprendizado gera o conhecimento e o fluxo persiste, exponencial e abundante.

exponencial porque cada novo aprendizado soma-se a um conhecimento anterior e não “do zero” (você pode ler um pouco mais aqui). e abundante porque o acesso passa a ser de todos.

por que tudo isso? porque acredito na internet como um celeiro de boas ideias e onde a informação e conhecimento está à disposição de todos. e porque acredito no compartilhar conhecimento, no compartilhar aquilo que vai agregar valor ao outro.

vamos compartilhar?

  • se você leu até aqui, eu te convido a assinar a newsletter para criativos porque uma das coisas que você vai receber no seu e-mail é conteúdo criativo, com referências e outros links que te façam buscar mais informação — conhecimento e aprendizado.

conteúdo publicado originalmente em Jardim 150.