Teoria Stranger Things (I’m The Monster)
Abner Pereira
761224

Oi Abner,

Curti muito sua teoria sobre a série, principalmente porque é muito bem embasada, faz muito sentido mesmo. Concordo com praticamente tudo, porém vi alguns comentários e algumas pessoas tiveram o mesmo pensamento que eu tive ao ler sua teoria. Se o mundo invertido é a Hawkins do futuro, a séria já começa num looping temporal?

Sinceramente acho pouco plausível que algo tão bem construído se limite dessa forma. Daí pensei: E se na verdade for um universo paralelo mesmo, tipo a Terra2 na DC ou os vários universos da Marvel, onde tudo é igual, mas com alguns pontos diferentes? Nesse caso, o monstro até pode ser a El, só que essa El do mundo invertido nunca encontrou os garotos e por consequência disso se tornou o monstro.

Mas, ainda assim acho que o monstro não bem a El, talvez alguém que ela reconheceu na realidade convencional e por isso essa relação com o monstro. Acho isso porque a cena em que o Will é salvo, quando o Hooper tira aquele troço da boca dele, lembra muito os filmes da franquia Alien e tem mais, temos Wynona Rider no elenco, o que pode ser uma referência pra algo que ainda vá acontecer na série. Se você notar o Demogorgon lembra muito o Alien e se você reparar, na cena que vemos a Barb morta, me parece que ela está com o abdomen aberto, assim como em Alien e o fato de Will cospir a lesma no final da temporada só aponta pra isso. Então, sobre o monstro acho que ainda teremos algum outro fator adicionado, talvez alienigenas ou algo assim que foram os reais causadores da epidemia. Imagino que no mundo invertido, já que a El nada daquilo chegou a acontecer esses seres surgiram e liberaram esse vírus, ou seja lá o que for. Então os garotos e a El do mundo convencional tem agora a chance de deter essa ameaça.

Pra acabar porque sei que me estendi demais. Vi algumas pessoas comentarem sobre a cena que o Demogorgon pega fogo, faz sentido achar que uma ação do passado alterou o futuro, mas é possível ver que no mundo invertido existem manchas como sangue. Acho que como uma criatura que viaja entre dimensões, ele pode ter levado o fogo por mundo invertido, tipo o Noturno dos X-men. E sobre o Wil ter poderes (caramba eu escrevo muito né?) Acho que ele vai sim desenvolver alguma coisa, já que ele ficou o seriado todo desaparecido, mas não acho que o fato de ele acender as luzes tenha alguma relação. Pense bem, se fosse assim, porque quando Hooper e Joyce andam pela casa, as luzes também acendem?

Pronto, parei hehehehehe. Mas só pensei em tudo isso por causa do seu texto. Mais uma vez, meus parabéns!

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.