A falta de figuras de autoridade online acaba nos dando a sensação de que a internet é terra de ninguém e aí, tudo vale. Você pode deixar explodir toda a agressividade que guarda dentro de si, pois não há medo de punição
Comentários agressivos na internet e a psicologia dos trolls
Laura Pires
34325

Tenho a impressão de que nesse aspecto o Orkut com suas comunidades era um ambiente muito melhor para debates do que o Facebook: os grupos tinham moderadores que de certa forma cumpriam tal papel de autoridade; quando não agiam diante dos trolls a tendência era que quem quisesse um debate sério deixasse as comunidades em busca de um ambiente com menos agressividade.

Em alguns blogs também era assim: no que eu mantinha os comentários sempre tinham de passar por minha aprovação antes de serem publicados, e com isso era mais fácil inibir a trollagem.

Já no Facebook a discussão é no nosso perfil, o que causa desconforto para excluir gente que se sente no direito de escrever comentários agressivos, pois muitas vezes tais pessoas são parentes, ex-colegas de escola… Algo diferente de “limar” gente que nem conhecemos. Apesar disso, já excluí gente assim.

Like what you read? Give Rodrigo Cardia a round of applause.

From a quick cheer to a standing ovation, clap to show how much you enjoyed this story.