Sobre como começar na área de desenvolvimento
Elton Minetto
161

Faça alguma coisa!

Estudar como é o processo de desenvolvimento de software, conhecer linguagens e ferramentas e ter uma noção de algoritmos e implementações são um excelente começo, mas não tornam ninguém um desenvolvedor plenamente capacitado.

A melhor maneira de aprender como se faz software é fazendo software.

É bem importante juntar todos esses conhecimentos adquiridos durante o estudo e criar algo real com eles. Pode ser algo simples. Um game, um blog (com o seu próprio layout) ou um app que lhe seja útil (como um agregador para as suas redes sociais ou uma lista de supermercado). A questão é: envolva-se.

Produzir algo nos faz ter uma noção melhor de como funciona todo o processo, de quais são os problemas que enfrentamos e até mesmo de como nos sentimos realizados ao concluir um projeto.

Além de ter uma visão de dentro sobre o processo, ainda há o efeito colateral de que você vai ter algo pra mostrar. Um diploma ou certificado pode representar certo conhecimento na área, mas nada é tão eficiente quanto mostrar um produto pronto e funcionando pra comprovar a sua capacidade como desenvolvedor.

Não espere o fim da faculdade ou o primeiro emprego pra se tornar um desenvolvedor. Faça alguma coisa!

Além do mais, isso aí é só o começo. Os próximos passos são se envolver com a comunidade, contribuir com projetos de código livre, entrar em contato com outros desenvolvedores, assistir e ministrar seminários, escrever no Medium…

Mas isso aí já é assunto pra outro texto…

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.