Rodrigo Turra
Oct 25, 2015 · 3 min read

[por Rodrigo Turra]

É fato: a linguagem é líquida. Ela muda o tempo todo, apesar de uma galera não curtir. Tem gente que acha um absurdo a forma como nos comunicamos na internet, cheio de abreviações, emojis e gifs. Tem gente que abomina estrangeirismos ou neologismos.

Eu, no caso, estou tentando me desvencilhar de palavras e termos que ainda são aceitos e amplamente utilizados e hoje percebo que são preconceituosos. Acredito que isso seja mais uma forma de nos conscientizar dos preconceitos que carregamos e um passo para nos tornarmos pessoas melhores.

[Gostaria de pedir que me ajudassem se souberem de outras palavras ultrapassadas ou outras formas de substituí-las. E claro, compartilhem e curtam esse post pra que ele chegue em mais gente.]

denegrir

Motivo: quando “tornar negro” é sinônimo de humilhar, fica claro o tom racista do termo.

Substitua por: rebaixar, humilhar, comprometer, difamar…


judiar

Motivo: Imagina só se o sinônimo de maltratar fosse, por exemplo, abrasileirar? Nem preciso dizer mais nada.

Substitua por: humilhar, zombar, ridicularizar, zoar, maltratar…


opção sexual

Motivo: quando você escolheu ser hetero/gay/bi/fluido etc? Pois é… não se trata de uma escolha, logo não é uma opção. Simples assim. Apenas delete.

Substitua por: orientação sexual.


mulher do fulano

Motivo: ela pode até ser esposa/noiva/namorada do cara, mas ela não é a mulher dele. Ela não é de ninguém, a não ser dela mesma. Se o oposto fosse usado — o homem da fulana — , aí sim não veria problemas em usar essa expressão.

Substitua por: esposa/noiva/namorada do fulano…


mal amado(a)

Motivo: muitas vezes é utilizado como eufemismo para o termo horroroso e machista mal comida. Vamos combinar que não tem como “mal amar” alguém? É contraditório e não faz sentido. Amor é sempre bom.

Substitua por: nada.


homossexualismo

Motivo: a palavra foi cunhada no fim do século 19 e denotava uma doença, que, acredite, só deixou de fazer parte da lista de distúrbios mentais em 1990. Vamos parar de usar uma palavra com uma herança tão pesada?

Substitua por: homossexualidade


surdo-mudo

Motivo: na verdade esse termo não necessariamente precisa ser excluído. O fato é que são raras as pessoas surdas que também são mudas, e muitos usam o termo erroneamente para descrever pessoas surdas ou mudas.

Substitua por: surdo ou mudo, deficiente auditivo…


Se você curtiu o que leu, clique no coraçãozinho aqui em baixo pra mais gente conseguir chegar aqui. Se lembrar de mais termos, fique à vontade para me escrever uma resposta e enriquecer a discussão ;) Se quiser conversar mais: rodrigoturra@icloud.com / http://www.hiphipturra.com.br/

Rodrigo Turra

Written by

Publicitário, canhoto, geminiano e mutante. Aprendi que um dia sem aprender é um dia perdido. À procura do meu próximo eu. http://www.hiphipturra.com.br/

Welcome to a place where words matter. On Medium, smart voices and original ideas take center stage - with no ads in sight. Watch
Follow all the topics you care about, and we’ll deliver the best stories for you to your homepage and inbox. Explore
Get unlimited access to the best stories on Medium — and support writers while you’re at it. Just $5/month. Upgrade