Pensar Design é mais que Design Thinking
Matheus Moura
621

Matheus, se me permite, apenas uma correção:

O primeiro autor a trazer o termo ‘Design Thinking’ foi Herbert A. Simon (1969). Robert McKim (1973) o levou para a engenharia e, depois, Rolf Faste definiu e popularizou o conceito como uma ‘forma de ação criativa’. Ele era colega de David M. Kelley em Stanford, que a levou pra IDEO, onde era sócio do TimBrown… e dalí pra frente virou a ferramenta que é.

Richard Buchanan, no inicio dos anos 1990, já havia abordado a aplicação da forma de pensar de um projetista (designer) como um modo criativo de resolver problemas. Tim brown lançou o seu livro só em 2009.

O importante disso tudo é compreender que o ‘Pensamento de Design’ não é um método criado por este ou aquele e, sim, o processo pensamento pelo qual o foco está na solução criativa, sob os aspectos do usuário a quem a solução se destina… diferentemente da visão de projeto de engenharia tradicional, que foca na solução do problema… sob o ponto de vista mais lógico. Porém, nem sempre a solução mais simples é a melhor. Não é?!