ERA PRA SER APENAS UM BLUE NO RÁDIO:

Eu não quis acreditar, mas aquela seria a música. A que tocasse (mesmo que na mente) quando toda tempestade adentrava e molhava tudo. Eu sabia que aquela seria a música, que sem saber, cada palavra se encaixava na minha vida. Aquela seria a música, aonde o compositor, também compartilhou sua dor comigo. Foi apenas três minutos e cinquenta e noves minutos. Eu não quis acreditar, pois eu preferi estar errado. Mas veja, como é cruel essa dona vida. Ela inesperadamente tocou na sintonia FM, e eu só pude parar e ouvir.