Nutrição Funcional previne doenças

A Nutrição Funcional é uma maneira dinâmica de abordar, prevenir e tratar desordens crônicas complexas através da detecção e correção dos desequilíbrios que geram as doenças.

Estes desequilíbrios ocorrem devido à inadequação da qualidade da nossa alimentação, do ar que respiramos, da água que bebemos, dos exercícios (a mais ou a menos) e alterações emocionais que passamos.

O objetivo da nutrição funcional é a busca pelo equilíbrio, visando não apenas a manutenção da saúde e a ausência de doenças, mas a recuperação da vitalidade.

A preocupação não é em contar calorias, e sim com a ingestão de alimentos de qualidade, buscando promover uma harmonia no funcionamento do organismo.

O foco é nos alimentos considerados protetores, como os antioxidantes, que tem a função de promover o funcionamento adequado do nosso organismo e a recuperação e/ou manutenção das funções vitais.

4 princípios da nutrição funcional

01. Individualidade bioquímica

São os fatores genéticos que compõem nosso organismo e são únicos para cada pessoa. Esse fatores afetam nosso metabolismo e, por consequência, interferem na nossa nutrição e em como reagimos ao ambiente. Exames clínicos e laboratoriais são necessários para conhecer em detalhes a individualidade bioquímica e ajudam na definição da dieta do paciente.

02. Foco no paciente

A nutrição tradicional foca em prevenir doenças, mas ignora os sintomas únicos de cada paciente. A nutrição funcional leva em consideração, além do diagnóstico médico, as informações do próprio paciente: sintomas, sentimentos e hábitos de vida.

03. Equilíbrio nutricional

Não adianta só contar as calorias e deixar de consumir certos alimentos. É preciso avaliar a necessidade de nutrientes que seu corpo precisa e alinhar sua dieta e alimentação considerando esses fatores, para atingir um equilíbrio nutricional saudável.

04. Biodisponibilidade de nutrientes

A forma como os nutrientes são absorvidos pelo nosso organismo também interfere na definição da dieta mais indicada para o paciente. É importante que a oferta de nutrientes diária seja em quantidade suficiente e equilibrada para o organismo. Por isso é tão importante conhecer a biodisponibilidade dos nutrientes, visto que ela pode afetar para o lado positivo ou negativo no funcionamento do nosso corpo.

E, claro, consulte sempre um nutricionista. A nutrição funcional pode te ajudar muito a melhorar o funcionamento do seu corpo e a forma como você se sente em relação à ele, mas sua dieta deve ser feita em conjunto com um profissional especialista!

Nossa nutri:

Francine Serpa // CRN 10–5252 // Nutricionista esportiva funcional

Instagram @nutrifranserpa