Muitas conversas e poucos registros

Oi Sofie, já faz praticamente 2 meses do primeiro registro e só agora voltei pra registrar mais um. Acho que você já está me conhecendo. Prefiro o momento, presente, na sua forma mais pura do que o registro. Sua mãe, por exemplo, gostaria de ter muito mais fotos de nós dois juntos para poder te mostrar, mas eu nunca fui muito colaborador. Me desculpe por isso, tá?

Nesse meio tempo aconteceu bastante coisa. Está passando tão rápido!
Você já está com 6 meses e mais de 30cm, uma meninona. A barriguinha da sua mãe já mostra sua forma e é LINDA! Fizemos uma viagem com suas vovós para Califórnia e tirei pelo menos algumas fotos lindas para te mostrar. Compramos suas roupas, sua caminha e seu meio de transporte. Estamos nos preparando para sua chegada!

Decidimos que vamos mudar a pessoa que vai te ajudar a chegar nesse mundão, afinal ela precisa ser nada menos do que maravilhosa. É desejo da sua mãe, ela está certa e estou apoiando. Nem que seja necessário falar com 1.000 médicos diferentes, vamos encontrar!

Sua chegada está fazendo eu repensar uma série de coisas. É tão legal ver que você já está causando uma transformação positiva e sendo motor dessa mudança.

Quero muito ser um bom pai. Espero que você seja paciente. Nunca fui pai antes e vou errar bastante, mas prometo que vou sempre fazer de tudo para você e sua mãe serem muito felizes. (A Frozen também).

Li algumas coisas, mas ainda preciso aprender muito mais. Não sei nem o básico, tipo trocar fraldas, segurar do melhor jeito, dar banho, etc. Também tem uma série de coisas que eu e sua mãe temos que aprender pra facilitar sua chegada e eu nem faço ideia do que seja.

Quero estar presente, quero construir algo que permita eu e sua mãe estar sempre presentes durante seu crescimento. Esse é meu objetivo principal. Conte sempre comigo, filha. Nunca deixe de pedir minha atenção ou ajuda.

Te amo!