Guia do Growth Hacking para e-Commerce

Quer aplicar o Growth Hacking no seu site? Então confira alguns hacks não convencionais para gerar mais tráfego, multiplicar sua conversão e aumentar os lucros.

O que é Growth Hacking

O termo Growth Hacking teve um alto crescimento nos últimos cinco anos, e está sendo usado em diversas áreas, desde pequenas empresas até grandes lojas virtuais.

Esse método busca aplicar ideias, estratégias e projetos com o objetivo de gerar crescimento, ou aumentar os lucros.

Etapas do Growth Hacking:

  1. Geração de ideias;
  2. Seleção de ideias;
  3. Experimentos;
  4. Análises.

Embora pareça uma área dedicada para grandes equipes, ou profissionais experientes, o Growth Hacking está sendo cada vez mais utilizado por diversos tipos e tamanho de negócios, como pequenas e grandes lojas virtuais.

Estratégia

O primeiro passo é definir uma estratégia, e para isso você precisa conhecer seus objetivos.

Por exemplo: 100 mil visitas em X dias.

É importante também saber como atingir esse objetivo, qual o tempo necessário e sempre acompanhá-lo.

Sabendo disso, você precisa saber quem são seus clientes, as chamadas Personas ou Buyer Persona. Ignorar esse passo, achando que você já sabe quem é seu cliente, pode ter problemas na sua estratégia.

Se você já tiver alguns clientes, precisa conhecê-los.

Para isso, use algumas estratégias, como oferecer descontos nas primeiras X compras, em seguida, solicite a resposta de uma pesquisa sobre quem eles são.

Agora com algumas respostas, você pode definir sua Persona, por exemplo: homem de 25 a 35 anos, interessados em marketing, e que não possuem negócio próprio.

Obs.: sua persona não são todos seus clientes.

É importante ficar claro isso, pois você escreverá artigos no blog da sua loja virtual, ou criará ofertas em cima da sua persona. Mas podem existir outros perfis.

Infraestrutura

A infraestrutura do site pode ser um fator de crescimento para seu e-Commerce.

Por exemplo, contratar um servidor dedicado para sua loja virtual pode trazer muitos benefícios para o seu negócio.

Mas você pode se perguntar, qual a vantagem da otimização do servidor para meu e-Commerce?

A primeira vantagem é o desempenho. Um servidor otimizado com certeza faz com que seu site carregue mais rápido, e assim melhora a experiência de navegação dos usuários.

Com um desempenho poderoso, o Google já garante melhores posições nos resultados das buscas (melhorias no SEO).

Segurança é outra vantagem. Um servidor configurado com softwares atualizados e com diversas camadas de segurança garantem a sua tranquilidade e dos seus clientes.

E também, a melhoria em geral da experiência de compra, pois ao comprar o processo precisa ser rápido e seguro.

Design / Aparência

Seu site precisa ser fácil de usar e comprar, certo? Por isso confira alguns aspectos no qual a sua loja virtual precisa ter:

  • Passar confiança para os consumidores;
  • Uma boa usabilidade, em diversos dispositivos;
  • Blog com notícias e dicas;
  • Carrinho de compras de fácil acesso;
  • Selos de Segurança destacados;
  • Links para as redes sociais;
  • Informações de contato relevantes na primeira página.

Carrinho de compras

O processo de venda começa quando algum produto é adicionado ao carrinho, enquanto isso, o consumidor está navegando.

Ao adicionar um produto no carrinho existem duas abordagens que podem ser seguidas:

Permanecer na mesma página: ao adicionar um produto no carrinho de compras, o usuário não solicita mudar de página, e essa é uma boa opção.

Redirecionar o usuário para outra página: a vantagem aqui é que você já direciona o consumidor para finalizar a compra. E um ponto negativo é você ter um ticket médio baixo.

Você precisa aumentar o número de transações, mas também o ticket médio.

Cadastro Rápido e Fácil

O Growth Hacking pode ser aplicado no Checkout também, aplicando algumas técnicas de usabilidade.

Alguns fatores básicos para um carrinho de compras de sucesso:

  • Imagem do produto;
  • Tamanho ideal dos textos;
  • Posicionamento padronizado;
  • Selos de segurança;
  • Remover itens desnecessários;
  • Adicionar barra de progresso;
  • CTA para próximas etapas;
  • Permitir CRUD (Create, Read, Update e Delete) nos produtos;
  • Formulário simples.
Cloud Server SECNET

Mídias Sociais

O primeiro passo nas mídias sociais é produzir conteúdos otimizados. As palavras-chaves também podem ser usadas nesse segmento.

Procure identificar palavras-chave, termos e frases que os consumidores utilizam para pesquisar conteúdos ou serviços. Em seguida, utilize em suas postagens de forma estratégica.

Compartilhar o certo

Compartilhe o que é interessante. Em vez de criar postagens só de vendas, procure compartilhar algum conteúdo útil para sua persona.

Comentários

O boca-a-boca também funciona nas mídias sociais.

“88% dos consumidores confiam nas opiniões online tanto quanto as recomendações pessoais” — Fonte

Se seu cliente está satisfeito, há grandes chances de ele recomendar seu site.

Botões de compartilhamento

Utilizar widgets para compartilhamento pode ajudar a avaliar e compartilhar seus produtos.

Procure utilizar os botões de compartilhamento em áreas de destaque.

Interaja com seus seguidores

Gestores de e-Commerce ainda tem receio em publicar alguma frase fora do “padrão”, ou simplesmente responder os seguidores de forma mais pessoal.

Além de fortalecer a liberdade de interação, as redes sociais devem ser tratadas para o envolvimento direto com o público.

Dica: em toda mídia é chato para os internautas receberem o mesmo modelo de postagem, aquele estilo forçado: Compre, compre, compre!

Procure responder dúvidas, orientá-los e até compartilhar alguma notícia com seus consumidores.

Influenciadores Digitais

Esse termo vem sendo utilizado nos últimos anos, e se você ainda não conhece, são pessoas que têm um número alto de seguidores em suas redes sociais, além de ser referência em determinada área.

Utilizar os influenciadores pode ajudar seu e-Commerce aumentar o engajamento com novos contatos.

Guia Prático

  1. Não divulgue apenas conteúdo promocional;
  2. Seja mais “humano”: fotos, vídeos e textos referente a empresa;
  3. Eduque o público: postagens educacionais;
  4. Postagens divertidas: timeline bem humorada faz seguidores felizes;
  5. Promoções: atualizações para divulgar ofertas especiais e cupons;
  6. Compartilhe opiniões: mostre que seus clientes estão felizes.

Ferramentas úteis

E-mail Marketing

Uma pesquisa mostrou que cerca de 91% dos consumidores usam e-mail pelo menos uma vez por dia. Hoje em dia é difícil encontrar alguém sem e-mail.

O e-mail marketing não é apenas para grandes profissionais ou grandes negócios. Ele pode ser utilizado por qualquer tipo e tamanho de negócio também.

E essa ferramenta é crucial para o e-Commerce, veja alguma das vantagens do marketing por e-mail:

  1. Aumenta suas vendas;
  2. Conhece o seu público;
  3. Alcança seus clientes quando quiser.

Atraia os visitantes antes de sair

O e-mail possui diversas funcionalidades, e uma delas é evitar a saída dos usuários da sua loja virtual sem nenhuma interação.

Isso mesmo, digamos que um cliente visitou seu site, viu alguns produtos, e não efetuou nenhuma compra.

Nesse momento, você pode capturar o e-mail antes do cliente fechar seu site. Insira um pop-up, com desconto, por exemplo, “10% de desconto na sua primeira compra”, para receber o desconto o usuário precisa inserir o e-mail.

Ofertas na troca de e-mail

Isso já deve ter acontecido com você, receber uma oferta inserindo o seu e-mail.

E a pior coisa que pode acontecer na hora de fazer uma compra online é encontrar o seu produto favorito por R$ 25, colocar no carrinho de compras e o frete aparece no valor de R$ 20, por exemplo.

Talvez sua loja virtual já ofereça frete grátis, mas porque não trocar pelo e-mails dos consumidores?

Sempre verifique as possibilidades, dependendo a região, o frete grátis pode trazer prejuízo para o seu negócio.

Guia Prático do e-mail marketing

  1. Nao abuse nos envios;
  2. Utilize cupons e descontos nos e-mails transacionais;
  3. Tenha um e-mail marketing responsivo;
  4. Troque descontos por e-mails;
  5. Utilize pop-ups para capturar e-mails.

Ferramentas úteis

Preparamos também algumas Ferramentas para eCommerce GRÁTIS que ajudam os donos de lojas virtuais.

Algumas outras áreas que você pode usar para o crescimento do seu site:

  • SEO;
  • Campanhas pagas (PPC);
  • Desempenho;
  • Redes sociais.

O objetivo aqui é te orientar sobre como você pode usar o Growth Hacking na sua loja virtual.

Antes de aplicar o Hacking de Crescimento, estude sua persona e analise os comportamentos dos visitantes, leads e seus clientes.

Faça testes A/B em todos os tópicos citados acima, isso garante um melhor desempenho.

Defina uma estratégia, tenha um site que qualquer pessoa consiga utilizar. Use e abuse das mídias sociais e do e-mail marketing para fazer com que seu e-Commerce cresça.

Se você gostou, compartilhe esse artigo com sua rede de contato, gerando valor para seu perfil.

E, se precisar de ajuda ou se quiser dar algum feedback sobre o artigo, deixe nos comentários.

Abraço e até a próxima!

Publicado em Guia do Growth Hacking para e-Commerce — SECNET