Descoberta — por Nanci Trevisan

Foto: Elaine Simionato

No rastro das tuas escolhas sentidas,
e das encruzilhadas que tivestes na vida,
ficaram as flores que plantaste,
ficaram as pedras que atiraste;

No rastro da escuridão que a ti assombrava,
ficaram as luzes que o medo apagava;
No rastro das vidraças quebradas,
ficaram as marcas em ti arranhadas;

E percebestes no caminho que se estendia,
que apesar da tarde fria,
no calor do teu peito ainda morava,
toda a cura de que precisava!

E despindo-se dos fantasmas de outrora,
deixou que a efígie fosse embora,
correu nua em direção à sua própria fonte,
e bebeu sua essência em lautos goles!

Show your support

Clapping shows how much you appreciated Seja Feliz entre Amigas’s story.