substantivo feminino

a poesia me persegue o poeta 
fiscal de poesia dita
Ela
tem que ter rima
tem que ter métrica
tem que ter causa
não deve nada a ninguém
tem que ter Aquilo
a gravidade que puxa
os olhos até tocar
o ponto final que nem sempre existe
o chão do poema
de rua
A
poesia tem que ter 
sangue, cabelo,
pele, raiva, rastro de violência

palavra afiada

Diz ‘’palavra fiada só se tecer teia’’
No que respondo,
Ser mulher não me resume ao discurso de luta
mas me exige a arte de
lutar
pela autoexpressão de cada uma

Ela
não deve, não tem (que),
Ela é
“…
ímpeto.